Canal
Geral

Sony concentra esforços nas redes sociais na Copa do Mundo

Por: 0 14 de Maio de 2014

Às vésperas da Copa do Mundo, a Sony concentra esforços nas redes sociais. A empresa coloca em ação a "One Stadium Live", plataforma on-line que vai reunir conversas e conteúdo compartilhado no Twitter, Facebook e Google + antes e durante o campeonato da Fifa. Em funcionamento desde o começo de maio, a ferramenta é parte da estratégia da marca, que é uma das patrocinadoras do evento. O site  mobile destaca tópicos quentes para dar aos fãs o termômetro de como estão as expectativas do público sobre jogos, táticas, fofocas – e inevitáveis controvérsias – em torno do torneio mundial.

Foto: Divulgação/Sony.
[caption id="attachment_396081" align="aligncenter" width="562"]A Sony aposta na interação entre a TV e as redes sociais. A Sony aposta na interação entre a TV e as redes sociais.[/caption] Nick Bailey, CEO e diretor criativo da Isobar no Reino Unido, é responsável pela criação do One Stadium Live e disse que o Twitter prevê que 60% dos tweets sejam sobre a Copa durante os jogos, que começam em 12/06. O executivo descreveu o serviço como “Um canal de transmissão social para o futebol”. Ele acrescentou que “Será como transformar o conteúdo social em conteúdo de televisão. Você poderá se conectar e ver o que as pessoas estão dizendo, mas de um jeito engajador e divertido. Não será apenas um monte de hashtags – mas uma captura do que o mundo está sentindo.” O One Stadium Live analisará o significado dos posts, em vez de só verificar as palavras-chave, para reunir os posts dos grupos à medida que a tecnologia também trabalhará para remover robôs e retweets das conversas analisadas. A Isobar abriu uma sala de notícias em seu escritório de Londres para trazer uma camada editorial para o serviço. Um time de moderadores ficará a postos em diferentes fusos para impulsionar as melhores conversações. Eles também atuarão como “guarda-costas” da Sony e impedirão tópicos racistas e relacionados a drogas. O site também terá perfis e estatísticas de todos os 32 times e seus respectivos jogadores, e news feeds para manter os fãs atualizados em seis idiomas. O último torneio em 2010 conseguiu atrair dois bilhões de espectadores na TV, e desde então, o acesso à internet cresceu 53%. Segundo a Isobar, o uso do Twitter aumentou 13,500%, enquanto o Facebook, que na época tinha 300 milhões de membros, hoje conta com um bilhão de usuários. A Sony descreve a experiência como “Diretamente das lentes para a sala das pessoas”, pois captura a presença da marca em toda a experiência do usuário, desde as câmeras que filmam os jogos, passando pelas TVs Bravia, onde as partidas são assistidas, até os tablets e smartphones Sony Xperia, utilizados para compartilhar a experiência. Filmagens exclusivas da Fifa também estarão disponíveis no canal da Sony na televisão.
Fonte: Advertising Age.
 

Tags: