Canal
Geral

Cidades-sede da Copa promovem eventos

Por: 0 28 de Junho de 2012

Começa neste mês de julho os eventos de promoção internacional do Brasil das cidades-sede como destino turístico da Copa do Mundo de 14. A iniciativa é do Instituto Brasileiro do Turismo (Embratur), em conjunto com os secretários de turismo dos estados e cidades-sede da Copa do Mundo Fifa 2014.

Cuiabá, por exemplo, será cidade-sede dia 18 de abril do ano que vem em Lima, no Peru. Para a secretária Teté Bezerra a iniciativa reforça a promoção e a comercialização das cidades-sede da Copa do Mundo Fifa 2014 e seus arredores como destinos turísticos para o mercado internacional.

“É a oportunidade que todas as cidades que sediarão jogos da Copa podem mostrar o que tem de melhor para mundo. É de suma importância a participação do segmento que envolve os agentes de viagens, operadores de turismo, jornalistas, autoridades locais e investidores”, comenta a secretária.

[caption id="attachment_207661" align="aligncenter" width="560" caption="Cuiabá."][/caption]

A primeira cidade-sede anfitriã é Brasília (DF) que realizará dia 05/07, em Santiago, no Chile uma ação promocional turística do Brasil no Exterior aproveitando as oportunidades que vêm surgindo, especificamente quanto à atenção da mídia internacional pelo País, devido à realização dos grandes eventos esportivos nos próximos anos.

De Mato Grosso já confirmaram presença a secretária Teté Bezerra e o secretário-extraordinário da Copa do Mundo Fifa 2014 (Secopa), Mauricio Guimarães.

[caption id="attachment_207662" align="aligncenter" width="560" caption="Brasília."][/caption]

Serão realizados 14 eventos em diferentes países. Cada cidade-sede será a protagonista em uma edição do evento já decidido por sorteio, que também contará com a presença dos demais estados.

“Nosso objetivo é apresentar para profissionais de turismo, imprensa e formadores de opinião estrangeiros os atrativos turísticos, a gastronomia, a música e a cultura das capitais que receberão jogos da Copa”, explicou o presidente da Embratur, Flávio Dino.

A ideia é preparar um espaço para visitação do público durante o evento, com experiências brasileiras por meio de apresentações culturais, degustação gastronômica e shows musicais, além de ações de marketing nas ruas.

A programação prevê, também, realização de coletiva de imprensa, palestra de abertura por uma autoridade do governo federal, sobre tema de interesse do Brasil no País em que o evento está sendo realizado, além de exposição sobre turismo, seminários, palestras, e reuniões ao longo do dia.

Os países são Argentina, Chile, Colômbia, Peru, Uruguai, Estados Unidos (com duas edições), México, Alemanha, Espanha, França, Inglaterra, Itália e Portugal. Estes países foram escolhidos por fazerem parte da lista prioritária da Embratur.

Tags: