Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Qualy compensa 100% das suas embalagens de forma pioneira

Por: Redação.. 26 de Setembro de 2021

Qualy, a marca do segmento de margarinas, acaba de firmar o compromisso em compensar 100% de seus potes de margarina e manteiga.

 A marca se compromete com o seguinte: Para cada pote de Qualy que vai para a mesa do consumidor, a mesma quantidade do material da embalagem é reciclada. 

Leia também: Qualy lança versão blister para atender o mercado food service.

Para viabilizar essa iniciativa, a marca conta com parceria da eureciclo, certificadora de logística reversa de embalagens do Brasil, e juntas preveem coleta de oito mil toneladas do material por ano. 

O material das embalagens de Qualy é um plástico chamado polipropileno, que garante a proteção e conservação do produto para que o consumo seja seguro.

Qualy, que já tinha sua embalagem 100% reciclável (apta a ser reciclada) e já incentivava o reuso dos potes, agora promove a reciclagem da mesma quantidade do plástico utilizado e ajuda a construir uma cadeia de reciclagem do polipropileno, ainda incipiente no Brasil.

Para garantir que esse processo seja monitorado e certificado até a conclusão da reciclagem, a marca fechou parceria com a eureciclo que, por sua vez, apoia cooperativas para coletar o equivalente em polipropileno utilizado nos potes e esse material é vendido para as recicladoras; depois o material é reciclado e transformado em matéria prima para diversos tipos de produto no mercado. 

"Em 2021, Qualy celebra 30 anos no Brasil e, durante esse tempo, temos oferecido aos consumidores qualidade e sabor com nossos produtos, mas buscamos ir além. Nossa preocupação em reduzir nosso impacto no meio ambiente e gerar impacto positivo para a população é real, por isso a parceria com a eureciclo chegou em boa hora para nos ajudar a colocar em prática o sonho de reciclar nossas embalagens.", comenta Aline Alexandrino, gerente-executiva de Qualy. 

"Como ainda não é possível rastrear todos os potes de Qualy utilizados no Brasil para garantir a reciclagem dos mesmos, encontramos na compensação ambiental a melhor solução, reciclando o mesmo material que utilizamos e na mesma quantidade, independentemente do produto que esteve ali antes, reduzindo não somente o impacto ambiental, mas também ajudando no desenvolvimento da cadeia de reciclagem e geração de empregos.", completa Aline.

"Temos a certeza de que esse tipo de projeto não funciona se não houver parceria, considerando a complexidade da cadeia de reciclagem e o tamanho do desafio. Assim, juntos, garantimos a destinação correta dos resíduos de embalagens, diminuindo o impacto negativo no meio ambiente e elevando as taxas de reciclagem no país. Mas talvez outro aspecto seja ainda mais importante: o impacto social, já que remuneramos os profissionais do setor com um valor adicional ao das vendas, pelo serviço ambiental prestado, levando melhorias a todas as pontas.", explica Matheus Gouvêa, Relações Institucionais & Grandes Contas na eureciclo. 

A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) já estabelece uma meta para que seja implementada a logística reversa de embalagens após o uso do consumidor. 

Qualy decidiu realizar além do esperado por lei e ampliar a reciclagem para 100% do peso de suas embalagens. Além da iniciativa da marca, a BRF tem diversos compromissos de sustentabilidade, entre eles o de ter 100% das embalagens recicláveis, reutilizáveis ou biodegradáveis até 2025. 

 

Tags: Qualy | sustentabilidade | esg