Varejo

Delivery – de incremental a relevante


13 de Maio de 2020

Dentro da nossa nova realidade social, em função do Coronavírus, o setor de restaurantes foi um dos mais impactados. 

Com o fechamento total do varejo não essencial, do dia para a noite os restaurantes viram seu faturamento cair mais de 70% em média, e, alguns, foram a zero.

Com esta nova situação, os restaurantes viram que a única forma de sobreviver seria por intermédio do delivery, do drive-thu e do “take away”. Todas modalidades de entrega disponíveis hoje e que nem todos atuavam de forma organizada.

Isto obrigou toda a categoria a adaptar rapidamente e buscar um formato mais adequado à sua realidade, transformando os formatos de entrega em um canal fundamental para sua continuidade.

Vou me focar no formato que mais cresceu, que foram os aplicativos de delivery e que não é simples se relacionar, vender e ter rentabilidade nesta modalidade. 

Por ser um terceiro e um marketplace, o desafio é conhecer como funciona cada um deles e se preparar para atuar com todos e em todas as suas oportunidades.

O sucesso de vendas nos aplicativos passa por:

- Conseguir ter relevância na página do app.

- Estar em destaque em sua categoria e nas promoções.

- Ter um bom cardápio para oferecer com preços atrativos.

- Embalagens que garantam uma boa qualidade da comida.

- Divulgar em todos os seus canais as ações que está fazendo.

- Obter uma avaliação alta pelos consumidores.

No Mania de Churrasco estamos trabalhando em todas essas frentes buscando como principal objetivo garantir que nosso cliente tenha em sua casa uma experiência semelhante ao restaurante no que toca à qualidade da alimentação.

Para começar a operar no delivery com os aplicativos de marketplace, a primeira coisa é preparar a sua planilha de custos, pois a taxas cobradas pelos aplicativos e mais os custos de embalagens podem transformar um produto altamente rentável em um produto sem margem. 

O conhecimento dos custos e a revisão da sua tabela de preços para se adequar a essa realidade é fundamental para garantir a rentabilidade do seu negócio.

Outro ponto, é revisar o seu cardápio buscando restringir as ofertas, garantindo simplificar a operação da cozinha e a montagem dos produtos.

A definição das embalagens é um item de extrema relevância para garantir que seu produto chegue com qualidade na entrega e também tenha uma ótima apresentação dos seus produtos. 

No Mania de Churrasco mandamos junto com a embalagem uma carta com orientações, com um telefone de contato e um QR code para uma pesquisa de satisfação.

Com o aplicativo é importante ter uma boa negociação das taxas, pois são muito altas dada a expectativa de rentabilidade do nosso negócio e também definir claramente a área de entrega. Cuidado com a abrangência muito longe, pois pode acarretar em problemas com a qualidade da alimentação.

Por fim, entra o marketing, criando as promoções, entendendo sempre o formato de cada aplicativo, garantindo que seu restaurante esteja cadastrado na categoria correta e estando ligado no seu cliente para ver que tipo de oferta mais atrai a sua atenção nos diferentes momentos do consumo. 

Fora do aplicativo, é preciso planejar a divulgação, seja nas redes sociais em espaços comprados ou na timeline de quem puder ajudar, com e-mail marketing na sua lista de clientes e amigos e no seu site. 

O importante é se fazer presente pois a concorrência de informações está grande e todos estão brigando pelo seu espaço.

Mas na minha opinião, tudo que falamos acima gera o que acredito ser o mais importante, a sua nota no aplicativo. Somente com notas altas é que a credibilidade de uma boa experiência foi comprovada. Sem ela, reveja todos os seus passos para o delivery, pois seu esforço não está sendo suficiente.

No Mania tivemos que ajustar todas essas questões rapidamente, pois até então nosso foco era a venda no restaurante e o delivery era quase inexistente. Sem dúvida, os desafios são muitos e as necessidades de transformação do negócio também.

A modalidade do delivery veio para ficar pois os hábitos mudaram e até termos uma vacina para o Coronavírus a convivência social será bem diferente do que estávamos acostumados a ter. 

Restrições serão impostas mesmo após o final da quarentena e teremos que estar preparados para nos adaptar rapidamente.

Penso que ainda haverão mais desdobramentos para o delivery, pois o marketplace impõe uma série de restrições para o relacionamento com o seu cliente. Ainda veremos cenas de muitos outros capítulos nessa questão. 

Alguns restaurantes locais já estão fazendo, como venda por WhatsApp, montando uma cooperativa de entrega com os restaurantes do bairro ou mesmo a sua estrutura própria, novos players de marketplace com mais aberturas e menos taxas.

O importante é estar presente no delivery para não perder essa modalidade de consumo que irá fazer a diferença daqui para a frente.

Tags: artigo | Coronavírus | Covid-19 | Marcelo Amarante | ponto de venda | isolamento social | delivery | restaurantes