Hotéis Rio divulga pesquisa de ocupação para o Réveillon 2020

09/12/2019


Segundo pesquisa divulgada no dia 03/12, pelo Hotéis Rio, a média de ocupação dos hotéis cariocas, até o momento, está em cerca de 75% na Capital, para os pacotes de 28 de dezembro a 1º de janeiro de 2020.

Há regiões com maior procura que já registram índices acima de 80%, como é o caso de Ipanema/Leblon e Flamengo/Botafogo, com 86% de quartos ocupados.

Mais sobre turismo no Brasil e no Exterior aqui.

Leia também: TIM é a nova patrocinadora do Réveillon de Copacabana.

Para a noite da virada, algumas regiões já registram média acima dos 90%, confirmando a expectativa da hotelaria.

O anúncio foi feito durante coletiva de imprensa sobre o Réveillon na Praia de Copacabana, realizada pela Riotur, no Hotel Fairmont, em Copacabana.

De acordo com a Prefeitura, serão quatro palcos, com o tema “Amor a Cada Vista”, de exaltação à cidade, e destaque para título de Capital Mundial da Arquitetura.

Uma das novidades é que haverá quatro palcos: o principal, em frente ao Hotel Belmond Copacabana Palace; e outros três, em pontos estratégicos, na altura da Rua Anchieta, no Leme; na altura da Rua Hilário de Gouveia; e entre as ruas Bolívar e Barão de Ipanema.

A maior e melhor festa da virada do ano no mundo estará ainda mais grandiosa, com expectativa de superar o recorde de 2,8 milhões de pessoas, obtido na chegada de 2019.

O tema da festa, "Amor a Cada Vista", remete à beleza natural e arquitetônica da Cidade Maravilhosa, que em 2020 se torna também a primeira Capital Mundial da Arquitetura, título concedido pela Unesco e pela União Internacional dos Arquitetos (UIA).

A proposta é que o turista fotografe e filme as deslumbrantes paisagens e construções cariocas e as divulguem nas redes sociais, com a hashtag #vemprorio.

A tradicional queima de fogos, com produção da Vision Show, terá 14 minutos de duração. O espetáculo pirotécnico contará com trilha sonora sincronizada, desenvolvida especialmente pelo músico Daniel Lopes, e começará pontualmente à meia-noite. Serão 10 balsas, com 16,9 toneladas de fogos com bombas de alto, médio e de baixo calibre, e, claro, artefatos inéditos.

O público pode se preparar para novidades nas cores, na diversidade de bombas e na trilha sonora. A estrutura da festa contará ainda com sete telões para o público acompanhar os shows, 16 torres de comunicação com sonorização, 800 banheiros químicos, 4 postos médicos e 30 torres da Polícia Militar.

Criado por Abel Gomes, VP de criação e sócio da SRCOM, o palco tem 48 metros de largura e 16 metros de altura, três telões de LED e iluminação especial.

Já na Barra da Tijuca serão 12 pontos de queima de fogos, com duração de 5 a 15 minutos, e cerca de cinco toneladas para iluminar o céu da região.

Os hotéis Whydham Barra, Windsor Marapendi, CDesign Hotel Recreio, Hilton Barra, Marriott, Ramada Recreio, Windsor Barra e Grand Mercure participam da queima ao lado dos shoppings Barra World, Village Mall, além do condomínio Ilha Pura e do Quebra-Mar da Barra.

Dois shows patrocinados pelos hotéis Windsor Barra e Grand Mercure completam a experiência de quem escolher a Barra da Tijuca para passar a festa da virada.

Fonte: Redação.

TAGs: abel-gomes evento réveillon-copacabana rio-de-janeiro riotur srcom