"O Rio não Para" quer alavancar o fluxo de visitantes na Capital

04/05/2019


Iniciativa privada se une por um objetivo único que é fazer o Rio de Janeiro retomar suas atividades e sua economia.

Depois de investir mais de R$25 bilhões em obras de infraestrutura para ganhar mais mobilidade urbana, aeroportos de primeiro mundo e se transformar na rede hoteleira mais moderna da América Latina, o Rio de Janeiro é hoje uma cidade pronta para receber turistas de todo o mundo.

Mais sobre turismo no Brasil e no Exterior aqui.

Leia também: Número de eventos no RJ atrai mais de 1 milhão de visitantes.

A programação da cidade está cada vez mais intensa com um calendário recheado durante todo o ano. São inúmeros eventos que ocupam de janeiro a janeiro e transformam o Rio num lugar desejado e pronto para ser visitado.

Para dar visibilidade e relevância à Cidade Maravilhosa, grandes representantes do setor produtivo da Capital se uniram, mais uma vez, e lançaram esta semana uma campanha nacional em prol do Rio de Janeiro. 

A ação, promovida por um grupo de trabalho composto por empresários do ramo de entretenimento, construção, setor supermercadista, shoppings, empresas aéreas e indústria hoteleira, visa promover o desenvolvimento do setor de turismo e incrementar o fluxo de visitantes da Capital.

É uma grande mobilização pelo reposicionamento do destino turístico do Rio de Janeiro, depois de um período de crises e intervenções. 

O mote da campanha, “O Rio não Para”, faz alusão à constante reinvenção da cidade do Rio de Janeiro como destino e às múltiplas experiências que oferece.

A campanha tem como objetivos a valorização e autoestima do carioca, assim como a captação e sensibilização do público externo. 

Todos os segmentos envolvidos farão uso de suas mídias próprias para potencializar o alcance desta divulgação, que envolverá mobiliário urbano, mídia eletrônica e digital, mall & mídia, entre outros. 

A GOL Linhas Aéreas é a companhia aérea oficial da campanha. São parceiros e/ou apoiadores do projeto: TV Globo, O Globo, Globosat, Multiplan, Asserj, SBT, Sony/Axn, UOL, Turner, Oath (Verizon), Viacom, Otima, Elemidia, Kallas, Eletromidia, Hoteis Rio, Carvalho Hosken, Abear e Rio Galeão. 

Alfredo Lopes, presidente da Abih-RJ e da Hotéis Rio, explica: “Não houve um aporte financeiro à campanha. Cada segmento participante faz uso de meios e mídias próprias para sensibilizar seu público e assim potencializar o alcance da campanha para o maior número de pessoas, desde cariocas, fluminenses, visitantes nacionais e até estrangeiros, por que não?”. 

Para dar ainda mais força à captação de visitantes, a hotelaria oferecerá descontos de até 20% no valor das diárias para os meses de abril e maio.

“Precisamos nos movimentar pela cidade. Esta é uma iniciativa puramente da iniciativa privada que contribuirá muito para o Rio, afinal, se o Rio vai bem, nós vamos bem. Sou carioca, antes de ser empresário, e quero que o Rio deslanche de novo. Precisamos melhorar isso aqui. O Rio de Janeiro não para de evoluir e todos precisam enxergar isso. Temos todos os artifícios e temos que dar as mãos neste momento. Isso é o que estamos fazendo. Todos querem e devem estar nesta cidade. O Rio é disparado o melhor lugar do mundo e quero que todos vivam esta beleza.”, diz Roberto Medina, empresário e presidente do Rock in Rio. 

Dados fornecidos pelo Instituto de Segurança Pública (ISP) mostram que 2019 já apresenta redução da criminalidade em relação ao ano anterior. O número de homicídios dolosos, por exemplo, caiu 18% em janeiro deste ano no RJ.

Já o número total de roubos a transeuntes no Estado teve queda de 10% e o de veículos apresentou a maior redução: 28%. E, se o número de crimes diminui, aumenta o potencial de entrada de turistas na cidade, e, consequentemente, a roda começa a girar para todos os setores e a economia começa a respirar.

"O turismo é o motor da cidade e tem pleno potencial para alavancar a retomada econômica do Rio de Janeiro. A campanha foge dos clichês e mostra que existe um Rio para cada turista, apresenta as experiências únicas que o destino oferece e prova que somos uma cidade em constante mutação, diferente a cada visita.”, garante Alfredo Lopes. 

De acordo com estudo da Fundação Getúlio Vargas, se o Rio de Janeiro ampliar em 20% o turismo interno, o impacto econômico para a cidade será de cerca de 6 bilhões, além de uma geração de 170 mil novos empregos.

Como referência, o Carnaval gera um impacto econômico de cerca de R$ 3.5 bilhões, enquanto o Réveillon traz um impacto de R$ 680 milhões e o Rock in Rio, R$ 1.6 bilhão.   

Calendário de Eventos no Rio de Janeiro em 2019

Abril

2 a 5 – 13º Laad Defense & Security
2 a 7 – Rio International Squash Open
Rio Boat Show
Taça Nações (Golfe)
19 a 21 – Dreamhack Rio 2019.

Rio Boat Show (Foto: Divulgação).

Maio

11 – UFC 237
24 a 31 – Santander Delícias do Brasil
27 a 30 Coteq – Conferência sobre Tecnologia de Equipamentos
2ª Taça Cidade Maravilhosa (Golfe)
30 – Salão Moto Brasil

Santander Delícias do Brasil (Foto: Divulgação).

Junho

1º e 2 – Salão Moto Brasil
12 a 14 – World Chamber Congress
22 – Meia Maratona Olympikus
23 – Maratona do Rio

Maratona Internacional do Rio de Janeiro.

Julho

7 – Final da Copa América
25 a 28 – Game XP

Agosto

Rio Gastronomia

Setembro

Iron Man 70.3 Rio
Mondial de la Bière
27 a 29 – Rock in Rio

Outubro

3 a 6 – Rock in Rio
29 a 31 – OTC Offshore Technology Conference
3º Aberto do Campo Olímpico de Golfe

Novembro

VillaMix

Dezembro

Árvore do Rio
O maior Revéillon do mundo.

 

Fotos do evento O Rio Não Para: Alexandre Macieira.

Fonte: Redação.

TAGs: eventos rio-de-janeiro rock-in-rio turismo