Por que investir em pessoas continua sendo um bom negócio?

26/07/2019


Muito se fala em inovação e novas tecnologias, mas o que seria do mundo sem pessoas? As pessoas são o ponto de partida em qualquer situação.

Para se criar novos produtos, é preciso se estudar as necessidades do mercado, do consumidor, do concorrente. E para isso, precisamos da inteligência e emoções humanas. Por isso, investir em pessoas nunca sai de moda.

Atualmente, a vantagem está na aplicação da tecnologia para criar valor agregado, de forma que o cliente perceba e se identifique com a marca. Com isso, podemos dizer que as pessoas estão no centro das inovações tecnológicas. São elas que, com o conhecimento das possibilidades podem criar novos modelos de negócio e atuação.

Para se ter ideias inovadoras a ponto de mudar uma realidade é preciso voltar ao princípio e investir nas pessoas que são contratadas. Não apenas nos líderes e gestores, mas na equipe de colaboradores. São eles que diariamente tratam os problemas e as possíveis soluções.

Quando estimulados, são capazes de apresentar resultados acima da média. Nesse momento é que as empresas marcam um “gol”. O conhecimento específico dos funcionários da linha de frente os habilita a ter as melhores e mais viáveis ideias para resolver os desafios.

Por isso, coloquei alguns pontos que uso na gestão de meus negócios e podem ser úteis. Ao investir na equipe devemos focar em atributos e atitudes capazes de modificar o resultado no futuro.

1. Invista em uma cultura de inovação - Lance desafios, engaje as pessoas, priorize ideias, crie um programa de implantação de inovações.

2. Valorize a persistência – Incentive as pessoas a lidar com os obstáculos que se apresentam em seu caminho, procurando sempre por novas soluções.

3. Defina objetivos com a equipe – Excite as pessoas a superarem suas metas executando ações diárias com novas atitudes.

4. Estimule o questionamento - Os profissionais mais audaciosos fazem perguntas para determinar uma situação, um ponto de partida e uma solução. O objetivo é desenvolver o pensamento para descobrir soluções.

5. Saber ouvir é uma arte – Essa regra vale para a liderança e para os colaboradores. Crie rodadas de conversa e dê espaço às pessoas para falarem e saberem ouvir os outros. Assim, vão aprender a fazer perguntas na hora adequada e pertinentes a cada tema. Esse tipo de dinâmica pode trazer a resolução de muitos problemas.

6. Mantenha uma atitude positiva - A habilidade de ver os pontos positivos estimula a criação de inovações e mantem o bom humor da equipe.

7. Demonstre o valor da empresa, seus produtos e serviços – Essa é uma regra que deve começar com a equipe interna. Quando os colaboradores acreditam no produto e na empresa, vão achar soluções para mantê-la competitiva e atraente aos clientes. Essa é uma tarefa diária, ao envolver as pessoas.

Como sempre digo, “O investimento em pessoas e seu desenvolvimento sempre é um bom negócio. Valoriza a empresa e contribui para um futuro.”

Fique atento aos seus colaboradores, transforme sua equipe em vencedores. Todo mundo vai ganhar com isso.

 

Por Adriane Zagari.

TAGs: adriane-zagari artigo gestão-de-pessoas