Ampro muda governança a partir de 2020

11/11/2019


O presidente-executivo será profissional contratado(a) do mercado, selecionado(a) entre indicações vindas do presidente do Conselho e validadas por todos os conselheiros.

No próximo dia 28 de novembro, a Entidade forma o novo Conselho Deliberativo, que será o responsável pela validação mensal do plano de ação da associação e pela escolha do próximo presidente-executivo para o biênio 2020-2021.

As últimas novidades do mercado de live marketing estão aqui.

Leia também: ABA e Ampro: Juntos por um mercado melhor.

O novo corpo diretivo será formado por um presidente-executivo, que vai contar com três VPs voluntários, indicados e aprovados pelo Conselho: VP Nacional, VP Adm/Financeiro e VPs Regionais, garantindo a governança com olhar e transparência, além da presença em todo o território nacional.

“As mudanças são estatutárias e foram aprovadas em Assembleia Geral da entidade. O objetivo é potencializar as ações da Ampro que, nos últimos quatro anos, avançou muito em programas e parcerias. Os limites naturais da dedicação do presidente e chairman voluntários não combinam com a ambição e a própria importância estratégica crescente que o live marketing tem no mercado. Tanto em termos institucionais quanto nos assuntos relativos ao mercado de comunicação propriamente.”, diz Wilson Ferreira Junior, presidente nacional da Ampro.

Wilson Ferreira Jr.

Na nova Assembleia, serão eleitos os cinco candidatos mais votados para membros não-permanentes do Conselho Deliberativo observando a diversidade de gêneros (máximo 60% poderá pertencer a um mesmo gênero).

Esses profissionais eleitos se juntarão aos membros permanentes do Conselho Consultivo atual, formando o novo Conselho Deliberativo. Na sequência, a Ampro iniciará o processo da indicação e escolha do novo presidente-executivo.

As alterações foram anunciadas durante o Ampro Live Experience – 4º Congresso Brasileiro de Live Marketing, que reuniu os players do mercado no último dia 11 de novembro, em São Paulo.

Candidatos para um assento no Conselho têm até dia 24/11 para oficializarem suas candidaturas por meio de carta impressa nominal a Direção Executiva – Patricia Segatto Palley e entregue na sede da Ampro: Rua Claudio Soares 72, 3º andar, sala 317.

As pré-condições para a candidatura são: a agência estar associada à Ampro há no mínimo 2 anos, estando em dia com suas obrigações; a agência deverá ter ao menos 5 anos de existência; e o representante deverá ser sócio ou possuir um cargo de direção na agência.

Fonte: Redação.

TAGs: ampro wilson-ferreira-jr