CBF reedita Seleção de Masters com final da Copa de 1994

20/12/2019


Duelo entre Brasil e Itália repete criação do projeto de Luciano do Valle, há 33 anos.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) decidiu recolocar em atividade a Seleção Brasileira de Masters, equipe que reúne ex jogadores que defenderam o time nacional.

O melhor do marketing esportivo está aqui.

As últimas novidades do mercado de live marketing estão aqui.

O projeto, criado no final dos anos 1980 pelo narrador Luciano do Valle, agora será comandado pela própria entidade.

Assim como aconteceu em 1987, quando o projeto foi criado pela primeira vez com a reedição da final da Copa do Mundo de 1970 entre Brasil e Itália, novamente o clássico reunindo os dois países marcará o jogo de reedição do Masters. Dessa vez, porém, serão os jogadores que estiveram na final do Mundial de 1994 que irão a campo.

A partida será disputada no próximo dia 9 de janeiro, em Fortaleza (CE), e terá boa parte dos jogadores que estiveram na campanha vitoriosa do Brasil nos Estados Unidos.

Seleção Brasileira de 1994 (Foto: Divulgação).

Comandados novamente por Carlos Alberto Parreira, os brasileiros terão praticamente todos os jogadores do time campeão. As exceções são Müller, Raí, Leonardo, Ricardo Gomes, Zetti e Ronaldo. Romário fechou um acordo com a CBF e disputará a partida.

Do lado da Itália, apenas 12 jogadores da equipe vice-campeã mundial estarão presentes, como o zagueiro Baresi e o atacante Massaro, que perderam suas cobranças de pênaltis na final.

A partida será disputada no Estádio Presidente Vargas, a partir das 21h30. O local tem capacidade para pouco mais de 20 mil torcedores. Os ingressos custam R$ 20, e a meia-entrada custa R$ 10.

Além do jogo, na véspera da partida será realizado um treino de reconhecimento de gramado, e, na sequência, uma entrevista coletiva de imprensa com a participação dos técnicos e capitães das duas equipes de Brasil e Itália.

Além disso, haverá um jantar de confraternização entre os jogadores na mesma quarta-feira.

Fonte: Máquina do Esporte.

TAGs: cbf copa-do-mundo evento-esportivo fortaleza marketing-esportivo