Fifa comemora sucesso das Fan Fests

23/07/2018


A Fifa não para de comemorar os resultados da Copa do Mundo da Rússia. Dessa vez, a entidade divulgou com entusiasmo os dados sobre as Fan Fests no país da Copa. De acordo com os números, 7,7 milhões de fãs estiveram nos eventos, um recorde absoluto. Para se ter uma ideia, no Brasil, em 2014, foram “apenas” 5,2 milhões de fãs.

“A estreita colaboração entre a Fifa, o COL (Comitê Organizador Local), as Cidades-Anfitriãs e as nossas Afiliadas Comerciais tornou este projeto possível. As Fan Fests da Fifa ofereceram um espaço gratuito, seguro e muito divertido para os 7,7 milhões de fãs locais e internacionais que assistiram aos jogos em locais espetaculares.”, afirmou Philippe Le Floc’h, diretor-comercial da Fifa.

Segundo a entidade, a cada dia de jogo, milhares de russos e turistas escolheram as Fan Fests como locais preferidos para acompanhar os jogos. Ao todo, foram 917 horas de futebol ao vivo, além de 646 bandas que tocaram 323 horas de música também ao vivo. As Fan Fests ainda ofereceram outros tipos de entretenimento cultural e espaços de patrocinadores.

Na Capital Moscou, onde foi instalada a Fan Fest principal, foram recebidos quase 1,9 milhão de visitantes. No Brasil, em 2014, o principal destaque foi o Rio de Janeiro, que recebeu, no total, pouco mais de 937 mil visitantes, praticamente metade do que foi visto em Moscou.

O recorde em um dia específico foi em 25 de junho, quando a Rússia, o país anfitrião, enfrentou o Uruguai pela última rodada da Fase de Grupos. Neste dia, cerca de 499 mil torcedores estiveram nas 11 Fan Fests instaladas pela Fifa. 

“O trabalho já começou e vai tornar a experiência da Fifa Fan Fest ainda mais divertida no futuro. Estamos ansiosos para receber os torcedores na Copa do Mundo de 2022 no Qatar.”, acrescentou Le Floc’h.

A Fifa Fan Fest faz parte do Programa Oficial da Copa do Mundo desde a edição de 2006, na Alemanha. A ideia ganhou força nas edições de 2010 e 2014, na África do Sul e no Brasil, respectivamente, e agora se consolidou de vez na Rússia.

Leia também: Raio-X da Copa do Mundo: deu França e grandes marcas.

Fonte: Redação Promoview.