Disney não fecha acordo com o Cade

18/02/2019


Bob Iger esteve no Brasil para tentar resolver impasse que põe em risco acordo bilionário para aquisição da Fox.

Segundo reportagem da Bloomberg, o CEO da Disney, Bob Iger esteve em reunião com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), mas não deixou o País com um acordo nas mãos.

O melhor do entretenimento está aqui.

Leia também: Fusão da Disney com a Fox pode ser vetada pelo Cade.

O contrato, avaliado em US$71 bilhões, prevê a compra dos títulos de entretenimento e de esporte da Fox pela Disney.

CEO da Disney Bob Iger.

A companhia esperava concluir a transação até o próximo mês, mas está enfrentando restrições em países como Brasil e México.

O Cade, como regulador antitruste, entende que a união pode colocar em risco a competitividade entre os canais de esporte da TV paga, visto que as empresas são detentoras da ESPN e da Fox Sports, respectivamente, emissoras com direitos de campeonatos importantes na transmissão brasileira.

Além do problema sobre a competitividade, o acordo poderia gerar aumento nos preços repassados aos consumidores, segundo o Cade.

Uma das possibilidades ventiladas para solucionar o problema seria a venda de um dos títulos esportivos das empresas — uma medida semelhante foi solicitada pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

Questionada, a Disney não se pronunciou sobre a vinda de Iger para o Brasil ou sobre o caso. Agora, as marcas aguardam a decisão do Conselho, que tem até 17 março para divulgar sua deliberação sobre o acordo.

Fonte: Redação.

TAGs: