Varejo

Starbucks considera operar apenas por entregas

Por: Redação. 17 de Março de 2020

A pandemia do coronavírus tem se tornado um problema não só de saúde pública, mas para todo o mercado mundial. 

Eventos importantes como o Coachella e o SXSW já tiveram suas edições de 2020 canceladas ou adiadas, enquanto outros ainda maiores, como os Jogos Olímpicos de Tóquio, estão sob ameaça de suspensão.

A tendência é que inúmeras empresas quebrem ou tenham uma queda enorme em seu faturamento.

Tentando contornar esse cenário, a Starbucks está cogitando adaptar seu modelo de vendas temporariamente, limitando suas vendas para aplicativos exclusivamente durante o período da pandemia. 

O modelo funcionaria apenas em lojas aptas a adaptar-se para receber pedidos mobile. Nesse caso, as lojas receberiam pedidos por aplicativos como Uber Eats, evitando ao máximo o contato direto entre funcionários e clientes.

A possibilidade surgiu em uma carta publicada por Kevin Johnson, CEO da empresa. Nela, Johnson afirma que a empresa continuará operando nos Estados Unidos e no Canadá, mas que está pronta para adequar seu modelo de operação, caso seja necessário.

“Como último recurso, fecharemos nossas lojas se acharmos que é o melhor para nossos clientes e parceiros, ou se formos instruídos a fazê-lo pelas autoridades.”, afirmou Johnson. “Independente da situação, esperamos que a interrupção de nossas atividades seja temporária.”, completa.

Johnson ainda fala, em outra mensagem, sobre funcionários que possam estar infectados com o coronavírus: “Qualquer parceiro que seja diagnosticado com Coronavírus, seja exposto a ele ou até mesmo esteja em contato com alguém que já esteve infectado, está apto a receber sua liberação de 14 dias de licença, tendo ou não mostrado os sintomas do Coronavírus.“

Vale ressaltar que, de acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil conta agora com 200 casos confirmados de pessoas infectadas com o Coronavírus. 

Segundo médicos e especialistas em saúde, a melhor forma de evitar a doença e suprimir seu contágio é cobrindo a boca e o nariz com o antebraço ao espirrar, evitando aglomerações e o contato com pessoas infectadas.

Tags: starbucks | Coronavírus | Covid-19