Canal
Turismo

Michelin leva "best driver" às universidades

Por: Michelin. 20 de Outubro de 2015

Como engajar o jovem e torná-lo o protagonista e multiplicador de hábitos seguros no trânsito do Brasil? Com a missão de contribuir para a melhoria da mobilidade das pessoas e das mercadorias de forma sustentável, onde a segurança sempre foi um pilar fundamental, a Michelin lança nesta quarta-feira, 21 de outubro, a segunda edição do inovador programa voltado aos universitários: o "Michelin Best Driver".

"O Michelin Best Driver busca a teoria e prática para conscientizar o público jovem, que nas estatísticas de acidentes de trânsito estão envolvidos em mais de 25% dos acidentes fatais (segundo dados do Ministério da Saúde). É um programa completo, interativo, que une especialistas, consultores e os maiores interessados, que são os jovens motoristas.", afirma Ana Paula Guimarães, diretora de Marketing para Pneus de Passeio e Caminhonete da Michelin América do Sul.

Com o apoio da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), o Michelin Best Driver levará, de 21 de outubro a 11 de novembro, o tema a quatro universidades do País: Estácio Tom Jobim (RJ), Estácio Uniseb (Ribeirão Preto), UnB (DF) e PUC (RJ).

Além da realização de talk shows comandados pelo apresentador Felipe Solari, com a participação do escritor, sociólogo e especialista em segurança no trânsito Eduardo Biavati e do piloto profissional de motociclismo Leandro Mello, será instalado, em cada instituição de ensino, um simulador, que testará a performance dos estudantes com cenas cotidianas.

Nesta edição do programa, o simulador trará uma novidade: desenvolvido com a tecnologia inovadora do universo dos games, ele proporcionará, com total realismo, por meio dos óculos 3D (Rift) e de sua movimentação, a vivência das situações do cotidiano ao participante.

Para apoiar as ações e metas pela segurança viária, estabelecidas pela Organização das Nações Unidas (ONU), a Michelin também promoverá nas universidades, durante o Michelin Best Driver, a campanha #SaveKidsLives, criada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) em parceria com a ONG Yiurs (Youth Road Safety).

Com o slogan "Juntos pela segurança no trânsito", o movimento visa recolher o maior número possível de assinaturas no website, por meio de uma adesão eletrônica, rápida e fácil. Além disso, a empresa promoverá a ação "Pressão Certa" em algumas das universidades participantes que sensibilizará os jovens sobre a importância da pressão correta do pneu para a segurança no trânsito.

Monitorar, Informar e Conscientizar

Para conscientizar os jovens sobre a forma de dirigir, um novo aparelho de telemetria de fácil instalação da marca Siggo, da Sascar - empresa especializada em gestão de frotas e rastreamento de veículos e cargas - será instalado por cerca de um mês no carro de 100 universitários de cada instituição participante do programa. Trata-se de um aparelho que monitora o desempenho veicular, ou seja, mensura o nível de segurança da condução do motorista no período avaliado.

Segundo o especialista Eduardo Biavati, "O Michelin Best Driver propõe uma abordagem inovadora para a promoção de atitudes seguras no trânsito entre jovens adultos universitários no Brasil, unindo informação à experiência do monitoramento eletrônico da direção do carro. Para além da mensagem convencional ‘você deve mudar seu comportamento’, o programa proporciona aos jovens motoristas a quantificação de suas escolhas ao volante, não apenas mensuradas de acordo com seu grau de agressividade e risco, mas georeferenciadas com precisão."

Serão avaliados quatro quesitos: curva, frenagem e aceleração bruscas, além do excesso de velocidade. Com base nos dados apurados, os estudantes serão classificados em uma escala de zero a 100. Quanto maior a pontuação, mais segura a condução do motorista.

O primeiro colocado de cada universidade ganhará uma viagem à França, para visitar a sede, as pistas e o museu da Michelin em Clermont-Ferrand (a lista dos finalistas será divulgada em www.michelin.com.br/michelinbestdriver).

Canal com os Jovens

Para atrair a atenção dos jovens e contribuir para a conscientização sobre o tema, o programa traz uma página no Facebook, com uma linguagem divertida, interativa e lúdica. Levando o assunto além das universidades, o espaço, lançado em agosto de 2014 e que já conta com mais de 180 mil seguidores, trará mais do que dicas sobre segurança: nele, os internautas poderão também acompanhar, de forma interativa, o desafio dos estudantes.

Tags: