Canal
Regional

Trade turístico de MT espera mais de 100 mil pessoas no retorno da Festa

Por: Redação Promoview 25 de Fevereiro de 2016

A retomada da Feira Internacional de Turismo do Pantanal de Mato Grosso retorna em abril, com expectativa de receber mais de 100 mil pessoas, em cinco dias de eventos, no Centro de Eventos do Sebrae Pantanal e na Arena Pantanal – região Oeste de Cuiabá. Representantes de pelo menos seis países já confirmaram presença, mas o principal convidado ainda mantém a incógnita: a China. Os shows artísticos serão realizados exclusivamente por atrações mato-grossenses, assim como a gastronomia.


Idealizada pelo saudoso governador Dante de Oliveira (in memorian) na década de 1990 mais do ponto de vista cultural, o novo perfil da Feira de Turismo do Pantanal está voltado para os negócios. “É evidente que será uma festa multicultural. Todavia, o foco prioritário mesmo é que seja o apontamento e fechamento de negócios”, argumentou o secretário Seneri Paludo, de Desenvolvimento Econômico (Sedec), para a reportagem do Olhar Direto.  Ela afirmou que a determinação do governador José Pedro Taques (PSDB) é fomentar a realização de negócios.  
 
O secretário Luiz Carlos Nigro, adjunto de Turismo da Sedec, revelou a expectativa de um Mega Feirão, é superar 100 mil pessoas, a partir de pacotes turísticos promocionais, exclusivos para a FIT. “Existem 44 estados sub-nacionais, com 30 milhões de consumidores na América do Sul, com necessidade de fomentar turismo e cultura”, avaliou ele.   
Luiz Carlos Nigro lembrou que, somente durante o evento, serão gerados 750 empregos diretos e 3,5 mil indiretos, com 200 expositores, 20 reuniões e palestras, superando R$ 10 milhões em movimentações financeiras.
 
“O próprio  perfil do expositor será regional, com origem no Chapadão dos Parecis, Cáceres, Nobres, Festival de Praia do Araguaia [Barra do Garças] e outros”, citou Luiz Carlos Nigro. O governo vai enfatizar o fato de Mato Grosso possuir três ecossistemas – cerrado, Pantanal e Amazônia.
 
O presidente do Sindicato dos Hotéis, Agências de Viagens, Pousadas e Similares de Mato Grosso, Oiram Gutierrez, lembrou que possui 33 anos de trabalho no trade e que, pela primeira vez, crê que o Estado irá investir com planejamento. “Deixemos de investir às cegas.  Nós acreditamos muito em nosso potencial  e temos de mostrar isso para o Brasil e o planeta”, afirmou Oiram Gutierrez.
 
“A expectativa é de se fazer turismo pensando  na filosofia do mercado, como negocio”, citou Alcimar Moretti, da organização da FIT 2016.

Tags: