Canal
Regional

Startup de Belo Horizonte promete ampliar acesso à saúde

Por: Redação 12 de Março de 2017

Marcar consultas utilizando apenas uma plataforma no smartphone, sem intermédio de atendentes, ou ligações telefônicas, para ser atendido da forma como preferir: em casa, no trabalho ou direto na clínica de um especialista. Esta é a proposta do MeuMed – um novo aplicativo na área de saúde que chega ao mercado para oferecer aos pacientes mais opções e serviços com comodidade, preços acessíveis e segurança. A plataforma está disponível para download gratuito em Android e, em breve, também estará disponível para IOS.

O MeuMed foi lançado com diversos serviços para os usuários e já tem mais de 20 médicos parceiros cadastrados. A plataforma digital foi criada para ser uma solução de fácil acesso a consultas médicas presenciais e, assim, proporcionar um alto nível de integração entre pacientes e a rede de prestadores de serviços relacionados à área médica.

Com atuação em Belo Horizonte, o aplicativo dá ao usuário a opção de marcar consultas domiciliares, ou no consultório do médico escolhido. Além disso, oferece uma área com opções de clínicas de exames, hospitais, laboratórios e farmácias que, nas próximas versões, garantirão ao paciente acesso aos serviços com maior comodidade e melhores condições.

Um dos grandes diferenciais de serviços do MeuMed é o agendamento de consultas em consultórios. Essa ferramenta permite apoio em serviços especializados e de exames complementares às consultas realizadas em casa. Além disso, existe a possibilidade de pedir um transporte de emergência para quando o médico agendado não é recomendado. O espaço dentro do aplicativo permite ao cliente escolher entre o atendimento pelo SAMU, o transporte de urgência do plano cadastrado ou de uma empresa de emergência privada. Outra vantagem é a oferta de preços justos e parcelamento dos serviços utilizados.

O fundador do MeuMed o médico Túlio Versiani idealizou a plataforma digital ao perceber que, apesar da grande demanda por consultas, a condução dos serviços médicos públicos e privados eram ineficientes. “Via sempre que o paciente ficava com o atendimento comprometido devido a agendamentos burocráticos, pouco acessíveis e com longas filas de espera. Por outro lado, os profissionais na linha de frente dos atendimentos assistindo seus salários caindo vertiginosamente, o volume de trabalho em amplo crescimento e as condições de trabalho se deteriorando. Somado a isso, enfrentamos a crise de financiamento no setor privado e a falência do setor público de saúde”, conta Dr. Túlio, um dos sócios.

“Percebemos que existia um mercado com grande potencial, mas que necessitava de uma solução objetiva e ampliasse o acesso e a comodidade dos pacientes em encontrar um médico. Ao mesmo tempo, um modelo que fosse viável ao médico oferecer o seu serviço de maneira confortável, no qual pudesse organizar e racionalizar o tempo disponível conforme a sua comodidade, permitindo receber, com este modelo, um valor justo pelo serviço prestado e ser livre para exercer sua profissão. Foi assim que chegamos ao MeuMed”, explica Túlio.

Atualmente, os cerca de 20 médicos cadastrados no MeuMed de diferentes especialidades estão disponíveis em diversos dias e horários no aplicativo. Os sócios têm boas perspectivas quanto ao futuro da plataforma. “A nossa expectativa é atingir 250 profissionais médicos com horário amplamente disponível no aplicativo nos próximos dois meses, realizar cerca de 1.200 consultas mensais até o final deste ano e consolidar o modelo de expansão em pelo menos mais três capitais”, revela Dr. Túlio que ainda acrescenta: “Temos outras parcerias em desenvolvimento que, quando estiverem disponíveis, mudarão a forma como as pessoas irão ter acesso e dispor de serviços essenciais de saúde”.

Tags: Sudeste (Brasil) | Telefonia/Internet/Tecnologia | Mobile | Lançamento de Produto | Profissional de Mídia