Canal
Regional

Roberto Medina é eleito o "Empreendedor do Ano"

Por: Assessoria. 4 de Dezembro de 2015

Roberto Medina, criador e produtor do maior festival de música do mundo, o Rock in Rio, foi eleito "Empreendedor do Ano" em cerimônia realizada pela Ernst & Young (EY) na noite de 2 de dezembro, na Ilha Fiscal, Rio de Janeiro.

O empreendedor concorreu com Flávio Augusto da Silva (Geração de Valor), Leandro Pinto da Silva (Granja Mantiqueira), Eugênio Pacelli Mattar (Localiza), Cristopher Alexander Vlavianos (Comerc Energia) e Joel Malucelli (JMalucelli).

Foto: Marcelo Omena.
Roberto Medina e Jorge Menegassi, CEO da EY Brasil.

Em 1985, Medina realizou a primeira edição do Rock in Rio. Três décadas depois, o evento se tornou o maior festival de música do mundo e referência global em entretenimento.

Realizado em países como Portugal, Espanha e Estados Unidos, e com planos de expansão para  Ásia e Oriente Médio, o Rock in Rio impacta diretamente todas as localidades por onde passa, movimentando o turismo e a economia e abrindo cerca de 14 mil postos de trabalho por edição. Só no Rio de Janeiro, em 2013, o impacto direto foi de R$1 bilhão.

Medina irá representar o Brasil no World Entrepreneur of the Year, etapa global do evento que será realizada em Monte Carlo, Mônaco, em junho de 2016, e reunirá representantes escolhidos nos mais de 60 países em que a premiação acontece. 

Homenageados

Além das duas categorias principais, o evento também homenageou empresários e iniciativas inovadores e bem-sucedidos. Renato Alves Vale, diretor-presidente da CCR, foi considerado Empreendedor Executivo do Ano. O Banco Itaú foi homenageado na categoria Family Business.

Sobre o Prêmio

O Prêmio Empreendedor do Ano, lançado nos EUA em 1986, é realizado em 60 países. Desde a sua existência, o prêmio já reconheceu mais de 2.500 empreendedores. No Brasil, primeiro país da América Latina a realizar uma edição, a premiação existe desde 1998. Os jurados avaliaram os finalistas de acordo com os seguintes critérios: espírito empreendedor, desempenho financeiro, direcionamento estratégico, impacto global, inovação, integridade pessoal e influência.

Tags: