Canal
Regional

Mesa de Compras é avaliada pelo mercado de Live Marketing

Por: Redação 14 de Fevereiro de 2017

A Mesa de Compras completa uma década definindo agências e fornecedores que realizam as ações de Live Marketing. Criada com objetivo de reduzir custos tem feito exatamente o contrário prejudicando os processos criativos e de execução. O principal fator são as concorrências job a job. Nosso país é o único do mundo onde impera esta prática.

Na avaliação do mercado, o ponto a ser melhorado é a frieza com que se trata uma área que trabalha com fatores considerados menos tangíveis, pertencentes ao plano das ideias. Como valorizá-las? Como reduzi-las a homem/hora? Quanto compor o preço de uma excelente ideia da agência, que talvez revolucione o negócio do meu cliente?
Isso, na maioria dos casos ainda não é levado em conta nas concorrências, onde prevalece o critério técnico.

E os setores de compras não consideram fatores como a qualidade do trabalho, a necessidade de uma boa remuneração para desenvolvimento de talento e criatividade, mas sobretudo a garantia da boa execução do brilho de uma ideia pelos parceiros de produção. Afinal de contas, a maioria dos trabalhos realizados pelas agências de live marketing coloca a marca frente a frente com seus stakeholders  e consumidores.

A quantidade de situações desagradáveis é enorme e não vem a público por motivos óbvios, mas o "conserto", a "gambiarra" custa bem mais caro. Vale a pena arriscar?

Promoview vai tratar deste assunto ao longo de 2017. O tema será um dos destaques do GIRO Live, webinar ao vivo e exclusivo que será realizado no dia 4 de Abril. E o debate  começa hoje com um vídeo reunindo depoimentos de executivos e profissionais de São Paulo e Curitiba. Confira

 

Tags: Réveillon