Canal
Regional

Eventos e negócios impulsionam turismo em Mato Grosso do Sul

Por: Acritica 7 de Junho de 2017

Já consagrado por suas belezas naturais e riquezas culturais, Mato Grosso do Sul tem despontado no cenário nacional como destino para o Turismo de Eventos e Negócios.

Em Campo Grande, o segmento já é o segundo maior fator de atração de visitantes, segundo dados do Observatório de Cultura e Turismo da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur). A intenção é estender os bons resultados da Capital para os demais municípios. No país, esse segmento turístico é responsável por 4,3% do Produtor Interno Bruto (PIB).

De olho nessa fatia de mercado, o Governo do Estado tem incentivado a realização de eventos que atraiam cada vez mais esse tipo de demanda para Mato Grosso do Sul. No próximo mês, por meio da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur), o potencial do Estado será mais uma vez apresentado ao cenário nacional e internacional, durante os trabalhos do Evento Business Show (EBS) – 15ª Feira da Indústria dos Eventos Corporativos, Incentivos, Congressos, Feiras e Marketing de Experiências, em São Paulo.

Considerado exponencial para o setor, o Turismo de Eventos e Negócios possui um grande potencial para impulsionar a demanda nas regiões onde é realizado. Isso porque os turistas que visitam os destinos a trabalho apresentam gasto médio três vezes maior que os demais e ainda tendem a retornar com a família e amigos. Com calendário diversificado, esses eventos também garantem renda aos destinos na baixa temporada.

Presidente da Fundtur, Bruno Wendling, afirma que a presença do Estado na feira EBS terá o objetivo de maximizar a promoção dos destinos sul-mato-grossenses, como opção no setor de eventos. “Será uma grande oportunidade para novos contatos com o mercado brasileiros e compradores mundiais”, adiantou.

Em Campo Grande, o turismo de negócios já aparece como segundo maior fator de atração de visitantes, atrás somente do turismo de lazer. “O segmento de eventos está entre as vocações turísticas da capital sul-mato-grossense, que possui boa infraestrutura e localização privilegiada para receber eventos”, enfatizou a superintendente da Sectur, Juliana Salvadori.

Para a presidente do Campo Grande Destination – que tem por objetivo captar eventos e fomentar negócios para a cidade – Melissa Tamaciro, o trabalho voltado ao Turismo de Evento e Negócios representa um fator de geração de renda não somente para o município em questão, mas para toda a região em que ele está inserido. “De um lado temos esse turista impactando diretamente no crescimento econômico local e, do outro, inúmeras empresas de micro e pequeno porte gerando emprego e renda de maneira mais distribuída e ramificada na cidade”, ressalta.

Tags: Centro Oeste (Brasil) | Evento Convenção | Profissional de Mídia