Canal
Regional

Dia Mundial do Rim terá ação de prevenção no Pátio Brasil

Por: Marcela Heitor 11 de Março de 2016

    Amanhã, 10 de marc?o, será comemorado o Dia Mundial do Rim. Ações em todo o mundo serão feitas simultaneamente para conscientizar a população sobre a prevenção das doenças renais. A Sociedade Brasileira de Nefrologia coordena essa campanha no país e, em Brasília, ela acontecerá no Pátio Brasil. 
    Das 10h às 16h, quem passar pelo shopping poderá tirar dúvidas sobre problemas ligados aos rins e fazer exames de pressão arterial com os profissionais da Clínica de Doenças Renais de Brasília. Haverá ainda uma máquina de hemodiálise para demonstração e esclarecimentos sobre o tratamento. O evento é gratuito e ocorrerá na Praça Central do Pátio Brasil. 

Ao longo dos anos, essa campanha de prevenc?a?o tem-se intensificado, ampliando cada vez mais o nu?mero de pessoas atingidas com informac?o?es sobre prevenc?a?o e a importa?ncia do diagno?stico precoce da doenc?a renal cro?nica. De acordo com a Sociedade Brasileira de Nefrologia, cerca de 10% da população mundial sofre de algum tipo de doença renal e, anualmente, milhões de pessoas morrem devido a complicações decorrentes da doença renal crônica (DRC). 

O Dia Mundial do Rim é comemorado sempre na segunda quinta-feira de março. Para 2016, o tema sera? “Prevenc?a?o da doenc?a renal comec?a na infa?ncia”, alertando a populac?a?o sobre a importância da adoc?a?o de ha?bitos sauda?veis desde os primeiros anos de vida. A DRC em crianças é relativamente rara, porém quando ocorre, traz consequências devastadoras e o tratamento é difícil, caro e trabalhoso. Existem evidências científicas de que a progressão da doença renal pode ser retardada, desde que o diagnóstico seja feito a tempo de permitir a adoção de medidas terapêuticas apropriadas. Essa ação, se adotada plenamente, poderia reduzir as consequências da DRC nas crianças, adolescentes e mesmo em adultos.

O que os rins fazem?
Os rins são dois dos órgãos mais importantes do corpo humano. Controlam o volume de água do corpo, filtram o sangue para retirar as impurezas e produzem hormônios, substâncias que ajudam no controle da pressão arterial, na renovação das células do sangue e na absorção de nutrientes dos alimentos que ingerimos.

O que é DRC? Como é tratada?
Doença Renal Crônica (DRC) é a perda progressiva da função dos dois rins. Quando os rins falham e a capacidade de funcionar cai abaixo de determinado nível, o que chamamos de insuficiência renal, as impurezas não são retiradas do sangue e afetam os órgãos do nosso corpo, como coração, pulmões, músculos, estômago e cérebro. Isso pode se tornar uma ameaça à vida da pessoa e requer atenção urgente. Atualmente não existe cura para a DRC. Os tratamentos atuais são as diálises (filtragem do sangue por outros meios) ou o transplante (que depende de um doador compatível), que devolvem parte da qualidade de vida do paciente.

Como é detectada?
No começo, a DRC não tem sintomas. A pessoa pode perder 90% da função renal sem perceber. Por isso a prevenção e a detecção precoce são essenciais, pois permitem controlar o avanço da doença e a necessidade de tratamentos mais complexos. Exames de urina e de sangue podem detectar o início da doença.

Quais são as causas da DRC? Quem está no grupo de risco?
Hipertensão arterial (pressão alta) e diabetes são as causas mais comuns de DRC. Pode afetar pessoas de todas as idades e raças. O risco é maior para pessoas mais velhas, pessoas que sofrem de diabetes e/ou pressão alta, tem pessoa na família que tenha DRC ou seja de origem africana, hispânica, oriental ou aborígene. Se a pessoa está no grupo de risco, deve consultar um nefrologista periodicamente.

Como prevenir a DRC?
1. Mantenha-se em forma e pratique atividade física regularmente
2. Controle o nível de açúcar no sangue (glicemia) para evitar o diabetes
3. Monitore sua pressão arterial
4. Mantenha sua alimentação saudável e evite o sobrepeso
5. Mantenha-se hidratado, tomando líquidos não alcóolicos
6. Não fume
7. Não tome remédios sem orientação médica
8. Consulte um médico regularmente para verificar a situação dos seus rins.

Tags: