Canal
Regional

Caixa Wine Run conquista o Nordeste com a cultura do sertão

Por: Caixa. 17 de Setembro de 2015

A corrida do vinho já ganhou espaço fixo no calendário dos atletas nordestinos. Essa foi a impressão deixada pela terceira edição da Caixa Wine Run no Vale do São Francisco.

Realizada no domingo (6/9) inteiramente dentro da Vinícola Santa Maria, produtora dos vinhos Rio Sol, às margens do Velho Chico, a prova encerrou o evento com um número ainda maior de competidores amadores e da elite local, em relação a 2014.

Fotos: Ivan Eric Baldivieso Moncada.

Já consolidada na Serra Gaúcha, onde teve quatro edições, a partir de 2012, a Caixa Wine Run levou ao Vale do São Francisco um conceito inovador, responsável pelo sucesso local do evento: uma mistura de belas paisagens, atrações ligadas à cultura regional, como a música, dança, gastronomia, vinhos especiais e uma corrida disputada entre parreirais, é o responsável pelo sucesso.

"A prova foi extremamente positiva, com todos participantes e apoiadores do evento muito empolgados. Essa motivação transforma a atmosfera do evento num ambiente muito agradável.", aponta Sérgio Oprea, da Zenith Marketing, organizadora da Caixa Wine Run.

A ótima infraestrutura do evento, incluindo a facilidade no traslado de Petrolina a Lagoa Grande, ajudou a fortalecer a prova no Nordeste.

Pé na Pista

Nesta temporada, a Caixa Wine Run no Vale do São Francisco foi escolhida como etapa de estreia do circuito Pé na Pista. O evento foi criado pela Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco para promover as belezas naturais do Estado por meio do esporte e terá outras três etapas, em Garanhuns, Fernando de Noronha e Recife. A parceria reforçou o conceito único da corrida do vinho, dando mais visibilidade à prova.

"A parceria com o Pé na Pista foi excelente. É um projeto inovador para o Estado, trazendo qualidade, melhor estrutura e mais divulgação para a Caixa Wine Run. Foi uma honra fazermos parte do lançamento do circuito. Espero que tenham sucesso nas outras etapas e o que o evento continue em 2016.", elogia Sérgio.

Cultura do Vinho com Tempero Regional

O conceito de "boutique style run", revelado nos pórticos de largada e chegada com estrutura de barricas e a festa do espumante com bufê na arena de chegada, são marcas do evento brasileiro. Mas no Brasil, a meia-maratona disputada entre parreirais ganha o reforço das paisagens únicas da Serra Gaúcha e do oásis em pleno sertão nordestino, às margens do Velho Chico.

Para desfrutar os destinos oferecidos pela Caixa Wine Run, os competidores têm à disposição uma programação completa, incluindo palestras temáticas, visitas guiadas às vinícolas, jantar de massas e festas que dão o tempero regional à cultura do vinho.

No Nordeste, os atletas que completaram a disputa foram recepcionados com espetinhos de carne de bode e queijo coalho, bolos entre outros pratos locais.

Elite do Atletismo Nordestino

A oportunidade de disputar uma corrida off-road, em percursos repletos de belas paisagens, e ainda experimentar vinhos brasileiros premiados e o melhor da cultura regional, também atrai cada vez mais fundista da elite do atletismo.

A Associação Petrolinense de Atletismo - APA levou nomes de destaque na região, como André dos Santos Santana, Jaelson de Alencar Oliveira, respectivamente campeão e vice-campeão da prova deste ano em Lagoa Grande, e Simone Daiane Aquino, campeã entre as mulheres pelo segundo ano consecutivo.

Tags: