Canal
Regional

Arena Pantanal fecha 2015 com balanço positivo

Por: Isabela Mercuri/Olhar Conceito. 29 de Dezembro de 2015

Entre jogos, shows, ações de cidadania, lazer e esportes, a Arena Pantanal recebeu em 2015 mais de 300 mil pessoas. Foram quase 150 eventos realizados tanto na área interna quanto na área externa do estádio, que foi construído para a Copa do Mundo Fifa de 2014

Dentre os eventos que mais atraíram os cuiabanos, o ‘Vem Pra Arena’, que aconteceu pela primeira vez no mês de maio, atraiu de 15 mil a 50 mil pessoas em suas cinco edições. Passaram pelos palcos do evento cantores como Zélia Duncan e Almir Sater, bandas como Vanguart e a Orquestra do Estado de Mato Grosso. 

Foto: Bruna Pinheiro/ Secid-MT.

Além dos shows, o festival contou com feiras artesanais e gastronômicas, brincadeiras, e visitas às dependências da Arena. Para Eduardo Chiletto, titular da Secretaria de Estado das Cidades (Secid), a pasta, que assumiu a gerência da Arena no início do ano, trabalhou para que a Arena Pantanal fosse um estádio multiuso.

“Estamos felizes com o resultado das atividades na Arena, principalmente, pelo público que visitou o estádio e pode conhecê-lo melhor. A Arena é da população, então queremos que as pessoas tenham um local de diversão e lazer com organização e segurança.”, afirmou Eduardo. 

Mesmo sem os eventos, a Arena recebe todos os dias de duas a três mil pessoas que praticam caminhada, corrida, ciclismo e outros esportes. Segundo a Assessoria, a segurança no entorno do estádio está sob responsabilidade da Polícia Militar, com agentes do décimo Batalhão lotados em uma unidade na área externa.

Esportes

Tanto o futebol quanto o futebol americano também marcaram o ano na Arena. O jogo entre o Cuiabá Arsenal e o Coritiba Crocodiles, no dia 21 de novembro, quebrou o Record nacional num jogo do esporte. Além do jogo, o evento contou com shows de Lorena Ly, Ana Rafaela e do grupo Flauta Mágica. 

Paulo César Ribeiro, presidente do Cuiabá Arsenal, conta que o desejo de jogar na Arena era antigo por parte da diretoria e atletas. O jogo só perdeu em público para o clássico entre Flamengo e Vasco, em junho. 

“Desde a construção do estádio, pensávamos em uma partida do Cuiabá Arsenal lá. Quando tivemos essa oportunidade, fizemos de tudo para que fosse um evento marcante para o público. Nossa maior conquista foi ter 15 mil pessoas no estádio, torcendo por nós e aproveitando a festa, porque foi uma grande festa”, afirmou. 

A partida da seleção feminina de futebol na Arena, que marcou a primeira vez do time em Mato Grosso, também foi histórica. Quase 13 mil pessoas assistiram a goleada de 5 a 1 sobre o time da Nova Zelândia. 

Tags: