Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

IEG compra feira de fitness e coloca os pés no Brasil

Por: Rose de Almeida. 10 de Fevereiro de 2022

A Italian Exhibition Group, uma das principais organizadoras de feiras e congressos da Europa, está entrando no mercado brasileiro como IEG Brasil.

A empresa, que tem capital aberto na Itália, concluiu a compra da Brasil Trading Fitness Fair, realizada desde 2018. Trata-se da primeira aquisição no país que se segue à abertura de uma filial brasileira da IEG, hoje presente, para além do mercado europeu, nos Estados Unidos, China, Emirados Árabes, México e Índia – por meio de investimentos diretos ou joint-ventures.

“Temos um plano ambicioso para o Brasil, um mercado consumidor de enorme potencial e cujo câmbio fortalece nossas aquisições”, afirma Graziano Messana, executivo italiano à frente da operação no país. 

Leia também: Koelnmesse Brasil confirma realização da Anufood em abril

“Queremos aproveitar oportunidades em setores sinérgicos com o portfólio da empresa, mas apostamos também que haverá boas chances em outros setores da economia com a retomada dos eventos presenciais", afirma o executivo.

Fundada há 70 anos, a IEG organiza mais de 50 feiras e 190 eventos e congressos, em seis categorias diferentes: Alimentos & Bebidas; Joalheria & Moda; Bem-Estar, Esporte & Lazer; Turismo & Hospitalidade; Lifestyle & Inovação e Ambiente & Tecnologia.

Rimini Wellness (Itália)

Em 2019, por exemplo, a empresa registrou faturamento de €178,6 milhões (R$ 1,1 bilhão), com €41,9 milhões de lucro antes dos impostos e juros (EBITDA) e com lucro líquido de €12,6 milhões (R$ 80 milhões). No Brasil, sua primeira aposta é o mercado de bem-estar, que hoje movimenta US$ 1,5 trilhão (R$ 8 trilhões) ao redor do mundo.  

Um levantamento da consultoria McKinsey coloca o país entre os principais consumidores globais da tendência, ao lado de Alemanha, China, Estados Unidos, Japão e Reino Unido. E, de acordo com os dados, os gastos per capita com bem-estar no Brasil são duas vezes maiores do que nos outros países – a preocupação com o tema também é mais elevada em território nacional.

Entre os segmentos de maior potencial no mercado brasileiro, segundo Messana, estão as academias (o país é o segundo do mundo em número de estabelecimentos, atrás apenas dos EUA), os suplementos alimentares e a moda. “Uma em cada cinco peças de vestuário vendidas no Brasil é um item esportivo”, afirma.

“Estamos atentos às evoluções da indústria de bem-estar ao redor do mundo. E com esse primeiro produto, a BTFF, no portfólio, queremos utilizar o conhecimento adquirido no exterior para trazer inovação ao mercado brasileiro”, complementa.

Dentro do segmento, a Italian Exhibition Group organiza hoje a Rimini Wellness (Itália), a Muscle Show, em Dubai, o Active Show nos Emirados e o México Active & Sport em Leon. Em edições anteriores, a BTFF reuniu cerca de 70 mil visitantes em São Paulo, gerando R$ 80 milhões em negócios. Entre os expositores, estiveram os principais fabricantes, distribuidores e importadores de equipamentos esportivos, suplementação, alimentação saudável e orgânica, além de marcas de roupas e acessórios fitness.

A operação no Brasil, do ponto de vista operacional e comercial, será feita por Rimantas Sipas, que usará sua experiência de quase 30 anos nessa indústria.

Rimanta Sipas, executivo da IEG Brasil

Conheça mais a empresa italiana aqui www.iegexpo.it/

Tags: empresas negocios fitness feiras-de-negocios eventos mice-no-promoview