Canal
Mkt Social

Instituto Diageo forma 67 pessoas na profissão de bartender

Por: Redação. 9 de Julho de 2020

O Instituto Diageo - entidade sem fins lucrativos realizadora dos projetos socioambientais da Diageo, líder mundial em bebidas alcoólicas premium e proprietária de marcas como Ypióca, Johnnie Walker, Smirnoff e Tanqueray - está formando 67 pessoas de São Paulo, Rio de Janeiro, Recife e Fortaleza para a profissão de bartender. 

Os estudantes fizeram parte da primeira edição on-line do programa Learning For Life, com duração de dois meses, e estão capacitados para atuar do setor de bares e restaurantes que estão em processo de reabertura nas principais capitais brasileiras.

O melhor do marketing social está aqui.       

Leia também: Diageo cria fundo global para reabertura de bares e restaurantes.

“O setor de bares e restaurantes precisará de profissionais qualificados à medida que a sociedade retomar as atividades. Estes formandos estarão capacitados para esse retorno.”, afirma o gerente-executivo do Instituto Diageo, Paulo Mindlin.

Além das disciplinas fundamentais para a certificação, os alunos do curso tiveram sessões complementares com profissionais do mercado sobre as diferentes possibilidades de carreira que um bartender pode seguir, aprenderam sobre inovações para o setor, tiveram conversas com profissionais de saúde que abordaram a importância da saúde emocional e da organização e neste contexto.

Realizado com apoio da consultoria MSX International em parceria com instituições de ensino, órgãos públicos e instituições de treinamento, o programa é desenvolvido no Brasil desde 2000 e já formou mais de 21 mil pessoas de todo o país. 

“O Learning for Life oferece de forma gratuita ferramentas, treinamento e habilidades para futuros profissionais na área de bares e restaurantes. A iniciativa visa desenvolver nos alunos capacidades emocionais, sociais e cognitivas.”, conclui Paulo.

Atuação da Diageo no fortalecimento dos bares brasileiros é de longa data

Em 24 de junho, a companhia lançou o movimento Pró-Bar, um fundo global de US$ 100 milhões (R$ 500 milhões) para apoiar a reabertura de bares e restaurantes ao redor do mundo. 

Desse montante, R$ 15 milhões serão destinados para apoiar estabelecimentos do Brasil. O valor, que será direcionado a casas de São Paulo e estendido para outras cidades a serem definidas, se transformará na doação de equipamentos necessários para reabertura desses estabelecimentos, de forma segura e respeitando o isolamento social.

Em maio deste ano, com parte dos lucros obtidos no e-commerce TheBar.com, a empresa criou um fundo de R$ 450 mil de apoio aos bartenders. 

A companhia disponibilizou cursos on-line remunerados de R$ 200 para ajudar na formação e capacitação dos profissionais da área de bares e restaurantes, além do apoio financeiro. A ação contou com 2.250 pessoas remuneradas.

Além dos fundos para estabelecimentos e bartenders e do curso para novas pessoas ingressarem na área pelo Learning for Life, a Diageo conta também com a plataforma Diageo Bar Academy, que já treinou mais de 2 mil bares e 10 mil profissionais do setor desde 2017.

Tags: diageo | Responsabilidade Social | Instituto Diageo | varejo | isolamento social | distanciamento social | Covid-19 | Coronavírus