Marketing Social

Amazon cria fundo de ajuda para estabelecimentos afetados pelo coronavírus

Por: Redação. 13 de Março de 2020

A Amazon anunciou a criação do Neighborhood Small Relief Fund, um fundo no valor de US$ 5 milhões que vai ajudar os pequenos estabelecimentos de Seattle que estão sendo afetados economicamente pelo coronavírus.

A ajuda em dinheiro será direcionada a empresas com menos de 50 funcionários e uma receita anual inferior a US$ 7 milhões. 

Além disso, os estabelecimentos precisam estar fisicamente localizados a poucos quarteirões dos escritórios da Amazon em Regrade e South Lake Union, e serem abertos ao público – como restaurantes, cafeterias e varejistas.

As empresas devem informar o valor estimado que esperam perder durante o mês de março por conta das regras de saúde pública que estão impedindo a grande circulação de pessoas a fim de evitar a contaminação pelo coronavírus. 

A Amazon trabalhará com parceiros para administrar as solicitações de subsídios e distribuir os fundos. As inscrições serão analisadas durante a segunda quinzena de março e os fundos serão distribuídos em abril.

Segundo a Amazon, o dinheiro doado visa ajudar os estabelecimentos afetados a pagar seus funcionários e outras despesas como aluguel e custos fixos relacionados às suas operações. “Como todos nós nos adaptamos às circunstâncias causadas pelo surto de Covid-19, sabemos que temos um papel importante a desempenhar, mantendo nossos funcionários e residentes seguros e saudáveis, e apoiando as empresas locais vizinhas.”, escreveu o chefe imobiliário da Amazon, John Schoettler.

Com o fundo, a Amazon se junta a outras empresas de tecnologia que estão apoiando financeiramente empresas e indivíduos afetados pelo coronavírus, como Uber, Lyft, Salesforce, Cisco, Microsoft, Square, Twitter, Google, Facebook e Apple.

Além disso, Microsoft, Amazon e outras empresas de tecnologia de Seattle estão se associando a organizações sem fins lucrativos e entidades do governo americano para lançar um fundo de ajuda em resposta ao surto de contaminação do novo vírus. 

A Amazon e a Microsoft se comprometeram a doar US$ 1 milhão cada para este fundo.

Tags: responsabilidade-social | amazon | Coronavírus | Covid-19