Canal
Geral

Vinte (Ver) Quintana é a atração do Praia de Belas

Por: 0 21 de Agosto de 2014 03:14

O Praia de Belas será pura poesia a partir de 27 de agosto, quando se tornará palco de um evento inédito em homenagem aos 20 anos de saudade do poeta Mario Quintana. A exposição Vinte (Ver) Quintana vai tomar conta de todos os ambientes do shopping até o dia 26 de setembro, com uma mostra interativa do legado do grande poeta. O projeto, desenvolvido pela agência Maria Cultura, de Porto Alegre, tem a curadoria da fotógrafa Rochele Zandavalli. Mestre em Poéticas Visuais, ela trabalha a partir do suporte analógico e da mistura entre técnicas. É justamente esse diferencial que vai dar o tom da mostra Vinte (Ver) Quintana: a oportunidade de rememorar, em diversos formatos, a extensa obra deixada pelo artista alegretense.

Foto: Divulgação/Maria Cultura.
[caption id="attachment_414931" align="aligncenter" width="562"]Rochele Znadavalli. Rochele Znadavalli.[/caption] Vinte painéis fotográficos acompanhados de fone de ouvido ficarão localizados na Ala Sul do terceiro piso do Praia de Belas. O espaço, que propõe a experimentação visual e auditiva da obra de Quintana, reunirá imagens captadas por 20 fotógrafos que foram convidados a interpretar, por meios de suas lentes, também 20 poemas do mestre. Os textos poderão ser escutados, tornando a exposição ainda mais envolvente. “As imagens que serão apresentadas ao público são o reflexo da aproximação entre a visualidade da palavra, contida na obra de Quintana, e o uso da fotografia como texto imagético, como discurso poético. Selecionei, para tanto, artistas e fotógrafos que recorrentemente suscitam narrativas através de suas imagens, ou são constantemente inspirados pela escrita.”, explica Rochele Zandavalle. Segundo a curadora, é exatamente esse equilíbrio entre e o verbo e a imagem que propõe a exposição Vinte (Ver) Quintana buscando na sensibilidade de artistas, dar luz às imagens suscitadas a partir do verbo. Além dos painéis, a mostra no Praia de Belas contará com uma biblioteca que reunirá 300 livros com obras do poeta, numa parceria com a Saraiva e a Editora Objetiva. Inspirada na praça de Quintana, o local, mais do que disponibilizar títulos para leitura, será um lugar para estar, esperar e imaginar. No mesmo espaço, um painel com post its vai incentivar o público a selecionar e colar trechos preferidos da obra da Quintana. A homenagem a Mario Quintana ganha corpo em todos os ambientes do Praia de Belas, por onde estarão espalhados 20 totens com postais colecionáveis que mostram as fotografias e trechos de poemas. Todas as peças são um convite para que o público visite a grande exposição e os espaços para interatividade no terceiro andar.
Foto: DulceHelfer/Div. Maria Cultura.
Praia de Belas _ Mario Quintana - Credito Dulce Helfer - Divulgação Maria Cultura

Tags: