Canal
Geral

Vila Olímpica Leuthenay Perdigão ganha telecentro

Por: 0 28 de Abril de 2014

Mais uma parceria entre a Prefeitura de Maceió e o Governo do Estado está sendo firmada. O secretário de Esporte e Lazer (Semel), Antônio Moura, esteve reunido no dia 25/04, com o secretário da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Eduardo Setton, para tratar dos avanços para instalação de um telecentro na Vila Olímpica Leuthenay Perdigão, no Village Campestre. Os telecentros fazem parte do Programa Alagoano de Inclusão Digital e oferecem cursos gratuitos para a população de baixa renda, tais como capacitação em informática básica e acesso à internet. Cada local tem 11 computadores e uma impressora, além de um monitor responsável.

Foto: Tudo na Hora.
[caption id="attachment_393092" align="aligncenter" width="533"]O objetivo do projeto é unir tecnologia e esporte para as crianças da cidade. O objetivo do projeto é unir tecnologia e esporte para as crianças da cidade.[/caption] “O primeiro contato entre as secretarias, no ano passado, já havia adiantado muito coisa. É de grande interesse da Semel instalar uma sala de tecnologia paras os moradores do bairro e todos que frequentam a Vila. Vamos avançar com os últimos detalhes que faltam para inauguração deste telecentro possivelmente no segundo semestre”, explicou Antônio Moura. A implantação do telecentro será mais uma atividade do projeto Viva Vila, em favor da população maceioense. Além de participarem das aulas esportivas gratuitas de futebol, judô e ginástica, a comunidade terá um local apropriado para o primeiro contato com o mundo da informática. “Quanto mais otimizar o espaço, mais inclusão digital e inserção social estaremos possibilitando. Por isso, estamos buscando esta integração com as diversas secretarias tanto do município de Maceió, como do próprio Estado. É importante destacar que o sucesso do telecentro depende muito da gestão. Após as instalação das máquinas, o parceiro responsável deve atuar de forma determinante com a segurança e manutenção dos computadores”, disse Setton.
Fonte: Junior de Melo/Ascom Semel.
 

Tags: