Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Twitter e Ibope irão analisar as métricas da TV social

Por: 0. 12 de Maio de 2014

A TV social, que une as atrações da televisão e as conversas estabelecidas nas redes sociais, acaba de ganhar um reforço de peso. No dia 08/05, Twitter e Ibope Media anunciaram uma parceria que irá gerar um conjunto de soluções para medir o alcance e o engajamento do público que já adquiriu o hábito de comentar as atrações da TV na plataforma. A ferramenta, chamada de Ibope Twitter TV Ratings (ITTR), será uma métrica padrão, medida que ajudará o mercado a aprimorar suas estratégias na integração desses meios. O novo produto será disponibilizado no País no fim deste ano, com comercialização sendo feita pelo Ibope. Em 2015, ele será ofertado na Argentina e na Colômbia.

Foto: Divulgação.
[caption id="attachment_395634" align="aligncenter" width="560"]Carlos Henrique Moreira Jr, Orlando Lopes, Guilherme Ribenboim e Antonio Wanderley: união de empresas em nova métrica atende demanda de mercado Leia Mais: http://www.meioemensagem.com.br/home/midia/noticias/2014/05/08/Twitter-e-Ibope-se-unem-por-metricas-de-TV-social.html?utm_source=newsletter&utm_medium=email&utm_campaign=mmbymail-geral&utm_content=Twitter-e-Ibope-se-unem-por-metricas-de-TV-social#ixzz31RsEr9E2  Follow us: @meioemensagem on Twitter | Meioemensagem on Facebook. Carlos Henrique Moreira Jr., Orlando Lopes, Guilherme Ribenboim e Antonio Wanderley: união de empresas em nova métrica atende demanda de mercado.[/caption] Dados do Ibope Media apontam que 54% dos internautas brasileiros assistem TV e usam a web ao mesmo tempo. Desse total, 38% comentam o conteúdo na mídia social. Para Orlando Lopes, CEO do Ibope Media, o ITTR é consequência natural do crescente engajamento da audiência televisiva nas redes. Além disso, atende o desejo de se estabelecer um benchmark nessa área. Guilherme Ribenboim, diretor-geral do Twitter Brasil, conta que emissoras e anunciantes vinham solicitando um referencial comum para medir o engajamento. Nos Estados Unidos, o Twitter tem uma parceria com o Nielsen que segue essa trilha. Na Europa, há acordo semelhante com o Kantar Media. Mas, como destaca Ribenboim, nenhum deles oferece uma notória expertise do Ibope: a medição em tempo real. “Vamos criar uma história juntos. O mercado brasileiro está acostumado com o Ibope, que oferece o tempo real para as TVs. Agora, estamos dando um passo a mais. E o Twitter entende esse passo na América Latina como estratégico”, explica Ribenboim. Segundo Antonio Wanderley, CMO do Ibope Media, até agora a empresa estava focada em entender o fenômeno da TV social. Há quatro anos, a companhia vinha estudando e fazendo pesquisas relativas ao engajamento dos telespectadores nas redes. Com a concretização do acordo, começa o trabalho de construir a ferramenta, um projeto de inteligência semântica. Será implementado um modelo freemium do ITTR. Uma parte da análise de dados será disponibilizada gratuitamente pelo Ibope em seus perfis na mídia social. Outras opções, pagas, com mais análise e informações, serão oferecidas ao mercado.

Tags: