Canal
Geral

"Ticket Solidário" transforma notas fiscais em ingressos

Por: 0 18 de Setembro de 2013

A Regispel, convertedora de bobinas fiscais, há mais de 30 anos, está novamente à frente de uma proposta de mídia que busca aliar a necessidade do produto ao benefício das empresas em participar de um projeto de inclusão social. A empresa oferece aos clientes, bobinas de papel que se transformam em ingressos para shows, praças esportivas, jogos e eventos, que podem ser utilizados como ferramenta de marketing promocional e se transformar em uma ação social, como no caso do Ticket Solidário. O projeto prevê a impressão de mensagens de apoio a uma instituição social no verso dos suprimentos das empresas que gerenciam a venda de ingressos para esses eventos culturais. A proposta é promover, em todo País, a imagem positiva do cliente por meio de uma mensagem no verso do ingresso ticket e contribuir para uma boa causa. Na ocasião, a instituição escolhida para ser beneficiária do projeto, foi a Fundação Cafu. Com esta ação, a Regispel reverterá parte do lucro das vendas destas bobinas à Fundação Cafu, comandada pelo penta campeão mundial e ex capitão da Seleção Brasileira, Marcos Evangelista de Morais, mais conhecido como Cafu. Segundo Cafu, toda ação que possa beneficiar a instituição é muito bem-vinda. “O Ticket Solidário contribuirá ao trabalho realizado no Jardim Irene, que auxilia mais de 750 crianças na Fundação”, comenta o craque. “O “Ticket Solidário” vai agregar mais valor aos ingressos de eventos culturais e esportivos. Cada bobina comercializada transforma-se em fonte de recursos financeiros para o desenvolvimento das ações da Fundação Cafu, além de ser uma mídia extremamente eficaz”, comenta Giancarlo Pizzutto, gerente de Marketing da Regispel e idealizador da iniciativa. Este projeto também vem ampliar as ações comerciais e sociais realizadas pela Regispel, que inovou nesse mercado ao utilizar pela primeira vez o verso dos cupons para apoiar causas sociais e se comunicar com o consumidor. Com o apoio de grandes redes varejistas, desde 2011 a empresa vem apoiando o Instituto Ayrton Senna. “As cadeias varejistas adquirem as bobinas com inscrições de apoio ao Cupom Solidário e parte da renda obtida com a venda é destinada a essa entidade”, explica Pizzutto. “São mais de 200 milhões de cupons emitidos no varejo por mês, e aquele pequeno papel que o consumidor recebe ao fazer suas compras, o cupom fiscal, também é um importante meio de comunicação com o cliente.”, finaliza Pizzutto.

Tags: