Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

The Street Store chega a Porto Alegre

Por: 0. 2 de Junho de 2015

O molde pode até ser similar ao das campanhas do agasalho com que estamos acostumados, mas é a partir da motivação que sustenta o projeto “The Street Store” que se compreende a sua essência. A ideia, importada da África do Sul e que chega às ruas de Porto Alegre no dia 6 de junho é simples: doar não só roupas, mas um pouco de dignidade aos moradores de rua. A dinâmica da proposta é fácil e depende da colaboração de toda a população. Na rua, mais precisamente na Praça Júlio Mesquita (Pres. João Goulart), na Capital, serão distribuídos cabides com uma seleção de peças doadas, totalmente à disposição dos carentes que terão a opção de escolher o que vestir.

Foto: Divulgação.
[caption id="attachment_467174" align="aligncenter" width="562"]Em Porto Alegre, o The Street Store acontece no dia 6 de junho. Em Porto Alegre, o The Street Store acontece no dia 6 de junho.[/caption]   “O objetivo maior é tentar recuperar um pouco da autoestima daqueles que, muitas vezes, são vítimas da invisibilidade social. Além de lidar com a miséria, eles não são vistos.”, define Mely Paredes, que junto com as amigas Luísa Fedrizzi, Bruna Holdernbaum e Paola Troian tomou a frente do evento em Porto Alegre. “Para realizar aqui, tivemos que entrar em contato com a organização oficial da "The Street Store" por intermédio do site e se cadastrar. Eles retornam dando a autorização e disponibilizando os materiais como artes, logotipos e uma espécie de regulamento, criado por eles.”, explica Bruna. A parte boa da história que está só no começo, é que assim que as meninas compartilharam a ideia nas redes sociais, mesmo sem data e local, uma multidão já apoiou a iniciativa e se ofereceu como voluntário. “É muito legal ver que tanta gente quer ajudar, mas muitas vezes não sabe como.”, conta Paola, orgulhosa. Agora, o próximo passo delas é correr atrás das doações, que podem ser entregues em diversos pontos de recolhimento espalhados pela cidade (confira a lista e os endereços abaixo), ou no próprio dia do evento. Qualquer tipo de roupa ou calçado será bem-vindo, mas elas alertam que a prioridade é para artigos masculinos, visto que a maioria dos moradores de rua em Porto Alegre são homens. A loja será montada estrategicamente próxima à Escola Porto Alegre (EPA), que atende essas pessoas carentes, onde será oferecida uma estrutura com espelhos, provadores e até serviço voluntário de corte de cabelo e barba, com a intenção de criar um ambiente convidativo para quem passar por lá. “Queremos que eles se sintam à vontade para chegar, olhar e participar, sem a gente impor nada.”, reforça Luísa. Para a divulgação entre as organizações que trabalham com moradores de rua, ou para quem quiser mais informações sobre como fazer o “The Street Store” em sua cidade, o e-mail para contato é streetstorepoa@gmail.com. Confira abaixo os locais de arrecadação das roupas na Capital (até o dia 5 de junho): Insecta Shoes (Lima e Silva, 1519). VULP (Bento Figueiredo, 78). PP Acessórios (Dinarte Ribeiro, 18). Galpon (Alcides Cruz, 398). Area 51 (Lucas de Oliveira, 894). Maria Xica (Shopping Total e Av. Protásio Alves, 593). Bar Ocidente (Osvaldo Aranha, 960). Casa de Teatro de Porto Alegre (Garibaldi, 853). Sinners (Lima e Silva, 426). Beco Produtora (João Alfredo, 483). Margot (João Alfredo, 577). Bravo Model (Benjamin Constant, 1440). Quincy Store (24 de Outubro, 506). Astro (Goethe, 141). Studio Q (Dr. Timóteo, 39). Groovaholic (Miguel Tostes, 263). Cucko (Lima e Silva, 1037).

Tags: