Canal
Geral

Tendências do mercado promo para 2016

Por: Camile Kogus/Redação Promoview. 4 de Janeiro de 2016

O ano de 2015 foi extremamente difícil para o mercado promocional. A crise econômica combinada com a estagnação causada pelo período entre a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas no Rio de Janeiro desencorajou muitas agências, empresas e profissionais.

No entanto, para 2016, muitos especialistas já apostaram que o setor é a grande chave para a recuperação econômica, sendo assim há grandes expectativas para esse ano.

Foto: Divulgação.

Claro que ainda há muitos desafios para que o mercado volte a crescer e que as grandes marcas voltem a investir em agências. As redes sociais, por exemplo, acabaram por se tornar a única forma de divulgação de empresas.

É óbvio que elas têm sua importância, como por exemplo aproximar os consumidores das marcas. No entanto, utilizar apenas elas como ferramentas para promoção é atirar no escuro pois não há um público-alvo específico nem uma mensuração palpável.

As abordagens no ponto de venda, a interação direta co clientes, a realização de eventos e ações de divulgação ainda continuam sendo mais eficazes do que um simples post no Facebook ou Twitter.

Pensando nisso o Promoview separou três tendências do mercado promocional que irão ditar o ano de recuperação para o mercado, afinal é na crise que nascem as grandes ideias.

3 – Tecnologia

Já citamos diversas vezes aqui no site que o uso de ferramentas tecnológicas em ativações promo e também no ponto de venda é um grande diferencial.  As agências devem saber utilizar essas inovações de maneira correta buscando levar experiências diferentes aos participantes.

Um exemplo disso são os óculos de realidade virtual – que atualmente já não custam tão caro com a utilização de smartphones e acessórios feitos de papelão - e as ações sensoriais.

2 – Brindes

Sim, essa abordagem parece ser antiga e tradicional demais, mas continua sendo muito eficaz. Quando a marca consegue expressar em um brinde promocional seus ideais e objetivos o consumidor consegue captar essa mensagem e replicá-la.

Muitas vezes não é necessário nada muito complexo ou caro. Um exemplo disso foram as pelúcias distribuídas pela GOL nas viagens que antecederam o Natal.

Um simples avião de pelúcia conseguiu cativar os passageiros e estimulá-los a ter atitudes bondosas durante a data.

1 – Interação

Nós já cantamos a bola em 2015 e agora voltamos a bater na mesma tecla. Interação, interação e interação.

Atualmente vivemos em um mundo onde essa palavra é a chave para muitos setores. No ano passado o Promoview noticiou diversas ações de live marketing nas quais os consumidores interagiram com outdoors, totens e painéis de grandes marcas.

Mais do que uma simples ação passageira, elas ficarão para sempre na memória dessas pessoas.

Uma simples mensagem com uma hashtag pode fazer com que sua marca fique gravada para sempre na vida dessas pessoas.
 

Tags: