Geral

Geral

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Starbucks vai qualificar funcionários

Por: 0. 16 de Junho de 2014

A Starbucks vai oferecer educação on-line universitária gratuita para milhares de trabalhadores, sem exigir que eles permaneçam na empresa, por meio de um acordo com a Universidade do Arizona. De acordo com o New York Times, o programa é aberto a qualquer um dos 135 mil funcionários dos Estados Unidos. Para um barista com pelo menos dois anos de empresa, será pago a mensalidade integral; para aqueles com menos tempo será subsidiada uma parte dos custos, mas, mesmo para muitos deles, os cursos serão gratuitos, com o apoio do governo e ajuda da universidade.

Foto: Divulgação/Starbucks.
[caption id="attachment_402814" align="aligncenter" width="562"]Os funcionários da Starbucks terão acesso à universidade on-line. Os funcionários da Starbucks terão acesso à universidade on-line.[/caption] "A Starbucks está indo onde nenhuma outro grande corporação foi", disse Jamie P. Merisotis, presidente e executivo-chefe da Fundação Lumina, um grupo focado em educação. "Para muitos desses funcionários da Starbucks, uma educação universitária on-line é a única maneira razoável que eles possuem para obter um diploma de bacharel." Muitos empregadores oferecem reembolso de matrícula. Mas esses programas geralmente exigem que os trabalhadores permaneçam por anos na empresa. A Starbucks vai convidar todos os seus funcionários para estudar o que quiserem, e depois saírem também quando quiserem - mesmo sabendo que muitos deles, com diploma na mão, vão deixar a empresa por empregos com melhor remuneração. "Mesmo que isso aconteça, a sua experiência de marca será acrescida à reputação do nosso negócio", afirma Howard D. Schultz, CEO da Starbucks. "Eu acredito que essa iniciativa vai diminuir os problemas com os funcionários, vai aumentar o desempenho, e atrair e reter pessoas melhores." A universidade e a empresa dizem que não sabem quantos funcionários da Starbucks vão aproveitar o programa, que inclui ajuda com a papelada e orientação acadêmica, mas eles esperam que milhares de pessoas se inscrevam.

Tags: