GERAL

GERAL

Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Sony Brasil cria programa de relacionamento

Por: 0. 17 de Agosto de 2011

A Sony Brasil anuncia o lançamento do "Programa de Relacionamento Sony Alpha", iniciativa que trará diversos benefícios para os proprietários de câmeras Alpha e NEX. Entre eles, participação em eventos, promoções relâmpago, cursos e palestras, além do acesso a parcerias exclusivas da Sony no País. O programa começa a funcionar a partir de 1º/09. O primeiro benefício disponível é a câmera reserva, para usuários que compraram seu equipamento no Brasil. A partir da apresentação da nota fiscal e do certificado de garantia em Português, o proprietário pode retirar um equipamento reserva enquanto o seu está sendo reparado.

[caption id="attachment_137053" align="aligncenter" width="560" caption="Sony NEX."][/caption]

A cobertura inicial do serviço abrangerá apenas as capitais que possuam uma loja Sony Store (São Paulo-SP, Rio de Janeiro-RJ, Brasília-DF, Salvador-BA e Porto Alegre-RS), mas já existem planos para a expansão a outras localidades. “O segmento de fotografia tem crescido muito nos últimos anos e os usuários têm se tornado mais exigentes em relação à qualidade e aos recursos oferecidos pelos equipamentos. Acreditamos que o Programa de Relacionamento Sony Alpha terá uma receptividade bastante positiva por oferecer, ao consumidor local, benefícios diferenciados e inéditos no País. Nossa expectativa é termos mais de um mil afiliados nos primeiros três meses”, destaca Fábio Purcino, gerente de produto de Câmeras Profissionais da Sony Brasil. Para Carlos Paschoal, gerente geral de Marketing, Comunicação e Inovação da Sony Brasil, “A relação entre um fotógrafo e seu equipamento ultrapassa as barreiras técnicas. Com o Programa de Relacionamento Sony Alpha, nós queremos mostrar que estamos atentos às suas necessidades, não apenas de recursos inovadores e qualidade no resultado final, mas também de uma parceria que permita que essa paixão seja vivenciada da melhor maneira possível”. Para mais informações, acesse aqui.

Tags: