Canal
Geral

Royal Canin esclarece equívoco

Por: 0 21 de Outubro de 2013

O forte poder de viralização das redes sociais está contribuindo para disseminar uma injustiça contra a fabricante francesa de rações para cães e gatos Royal Canin. Tudo porque os internautas estão assimilando o nome Royal da fabricante ao Instituto Royal, envolvido com a polêmica do uso de cães da raça Beagle em testes de remédios, onde os cães estariam sofrendo maus-tratos. A fabricante está sendo alvo de diversas críticas e acusações em seu site e sua fan page. Para tentar acabar com o mal entendido, a equipe de marketing da empresa de rações caninas colocou no ar uma página criada para desfazer a confusão dos nomes e esclarecer as possíveis dúvidas dos clientes. Confira o comunicado na íntegra: “A Royal Canin do Brasil esclarece que não tem e nunca teve nenhum vínculo com o Instituto Royal que vem sendo apontado como realizador de pesquisas invasivas em animais (cães Beagles). Acreditamos que a associação feita por algumas pessoas deva-se ao fato da similaridade de nomes. Não realizamos e nem apoiamos testes que possam trazer sofrimentos aos animais. A Royal Canin, empresa fundada em 1968, na França, e instalada no Brasil desde 1990, fica à disposição por intermédio dos canais de atendimento: SAC: 0800 703 55 88 (de segunda à sexta-feira, das 08:00h às 17:00h) SAC Site: http://cadastro.royalcanin.com.br.”  

Tags: