Canal
Geral

Rolls-Royce cria motor a jato com Lego

Por: 0 1 de Janeiro de 2013

Publicado originalmente em 12/07/12. A Rolls-Royce, empresa global de sistemas de energia, presente no Brasil há mais de 50 anos, apresentou o primeiro motor a jato do mundo construído totalmente de Lego. A demonstração aconteceu durante a abertura da Feira Internacional de Aeronáutica de Farnborough, na Inglaterra. A estrutura, uma das mais complexas feitas de Lego no mundo, é uma réplica na metade do tamanho do motor Trent 1000 da Rolls-Royce, que impulsiona as aeronaves Boeing 787 Dreamliner. O projeto é tão detalhado que mostra o complexo funcionamento interno de um motor a jato e levou quatro pessoas e oito semanas para ser concluído. No total, foram utilizadas 152.455 peças de Lego e a estrutura tem 307 kg e mais de dois metros de comprimento por 1,5 de largura. 160 componentes do motor foram construídos separadamente e depois reunidos para formar a réplica de um Trent 1000. Tudo, desde as grandes pás que sugam o ar para o motor até as câmaras de combustão onde o combustível é queimado, teve que ser analisado e replicado com a utilização dos bloquinhos de construção mais famosos do mundo. O motor faz parte de uma exibição na Zona de Inovação da Feira Internacional de Aeronáutica de Farnborough, um espaço concebido para incentivar jovens a seguirem carreira em ciência, tecnologia, engenharia e matemática. O diretor da área Científica da Rolls-Royce, Paul Stein, exaltou a estrutura e a inspiração que ela pode gerar em futuros profissionais. “Os engenheiros têm papeis críticos na solução dos desafios de amanhã, mas não apenas projetando motores de aeronaves que levarão pessoas para os quatro cantos do planeta de forma mais eficiência" afirmou o executivo. "Estamos muito animados em apresentar esta estrutura de Lego, a primeira deste tipo no mundo, e somos gratos aos nossos graduados e aprendizes que contribuíram para a construção desta réplica e garantiram que o resultado fosse o mais realístico possível. O que fazemos é muito animador e esperamos que esta demonstração de nossa tecnologia possa entusiasmar e inspirar os potenciais cientistas e engenheiros do futuro sobre as oportunidades de carreira que eles podem encontrar”, completou Stein. Uma equipe de graduados e aprendizes da Rolls-Royce utilizaram seus conhecimentos em motores Trent 1000 para trabalhar com a empresa especializada em Lego Bright Bricks para produzir a imensa e complexa estrutura. O "Aprendiz Técnico Superior" da Rolls-Royce, Ben Russell, comemorou a construção da réplica. “Este foi um projeto excepcional e uma coisa que nunca imaginei que faria. Trabalhar como aprendiz em uma companhia de ponta como a Rolls-Royce te dá a oportunidade de aprender sobre os produtos mais avançados e fascinantes do mundo e espero que nosso motor de Lego sirva de exemplo sobre como a carreira de engenheiro pode ser emocionante”, destacou Russell.

Tags: