Canal
Geral

Renault volta às competições no País em 2015

Por: 0 26 de Dezembro de 2014

A Renault está de volta ao automobilismo brasileiro. O retorno será no dia 22 de março, no Autódromo de Goiânia, quando será realizada a primeira etapa da temporada 2015 da Copa Petrobras de Marcas. O anúncio foi feito durante a realização de mais uma edição do Capacete de Ouro, evento promovido pela Revista Racing, e que premia os pilotos brasileiros que se destacaram durante o ano em campeonatos nacionais e internacionais. Nas pistas brasileiras estará o Novo Fluence 2015, o sedã médio da Renault, transformado para a competição. Serão duas equipes, ainda não definidas, com dois carros cada, que terão o desafio de defender as cores da Renault à frente de outras marcas que também disputam o Campeonato. renault-no-petrobras-de-marcas   O Fluence já marca presença no grid de outras importantes competições na América do Sul, como os Campeonatos TC 2000, disputados na Argentina e Colômbia. “A competição está no DNA da marca. A presença da Renault nas pistas, especialmente no Campeonato Brasileiro de Marcas, é mais uma importante oportunidade de visibilidade e relacionamento da marca com os seus atuais clientes e futuros clientes.”, afirma Caique Ferreira, diretor de Comunicação da Renault do Brasil. Tudo começou em 1898, quando Louis Renault percebeu que as competições automobilísticas eram uma ótima vitrina para exposição de seus veículos e competiu em algumas provas, juntamente seu irmão Marcel, com um carro que construiu na época. Mas foi na Fórmula 1 que a marca alcançou as mais importantes conquistas. A Renault fez sua estreia na categoria em 1977 e nesses 37 anos, foram 12 títulos mundiais de Construtores e 11 de Pilotos. Além disso, a Renault organiza na Europa o World Series, evento que reúne três categorias. São elas: a Fórmula Renault 3.5 Series e a Fórmula Renault 2.0, onde 60% dos pilotos que passam por estas categorias chegam até a Fórmula 1. Alguns deles são: Nico Rosberg, Kimi Haikkonen, Pastor Maldonado, Romain Grosjean, Felipe Massa e outros. Outra categoria é a Clio Cup, que utiliza o Renault Clio, modelo europeu semelhante aos utilizados nas ruas. O World Series também serve para a Renault promover ações com clientes da marca, como Track Days, gincanas e voltas rápidas em carros de competições. “Para nós da Renault, as pistas sempre foram um laboratório de inovações que um dia podem chegar às ruas. Voltamos às pistas para reforçar um conceito de competição e esportividade que sempre acompanhou a marca.”, afirmou Bruno Hohmann, diretor de Marketing da Renault do Brasil. Para a Vicar, empresa que organiza a competição, a participação da Renault contribui ainda mais para o desenvolvimento do Campeonato. “Em 2015 vamos para nossa quinta temporada consecutiva, sempre com o apoio de grandes marcas. A entrada da Renault comprova o sucesso e o crescimento da categoria”, explica Maurício Slaviero, diretor-geral da Vicar.

Tags: