Canal
Geral

Queniano é o atleta a ser batido no Circuito Caixa

Por: 0 21 de Setembro de 2013

Superar Edwin Kipsang Rotich será uma dura missão tanto para os brasileiros quanto para os outros africanos que disputarão a etapa de Curitiba do Circuito de Corridas Caixa, hoje (29/09). Atual campeão da Corrida de São Silvestre, o queniano vem acumulando uma série de títulos importantes e chega à Capital paranaense pronto para voar baixo e marcar o novo recorde do percurso de 10 km - o menor tempo, 29min04, foi feito por ele mesmo em 2012. [caption id="attachment_329036" align="aligncenter" width="560"] O Circuito Caixa em Curitiba acontece no próximo dia 29/09 (Foto: Luiz Doro/AdoroFoto).[/caption] A prova, nona do Circuito Caixa em Curitiba, e 80ª da história da competição, terá largada às 08h, na Praça Nossa Senhora de Salete, no Centro Cívico, com percursos de 5 km e 10 km. Nas sete edições anteriores apenas quatro brasileiros subiram ao topo do pódio, dominado tradicionalmente pelos africanos. Os últimos vencedores foram o queniano Edwin Kipsang Rotich e a etíope Meseret Legese Biratu. "O Edwin vai para Curitiba para ganhar e quebrar o recorde da prova", garante Moacir Marconi, o Coquinho, técnico e coordenador do centro de treinamento para africanos da Fila em Nova Santa Bárbara, no Paraná. A confiança é justificável. Nesta temporada, Edwin Kipsang tem entre seus resultados mais importantes o recorde da 10 KM Tribuna FM, em maio na cidade de Santos, e as vitórias nas 10 Milhas Garoto e na Meia Maratona de Medellín, ambas no início de setembro. Outros dois quenianos disputarão a prova paranaense: Mathew Kibet e Delvine Relin Meringor, da Luasa Sports. "Eles com certeza vão brigar pela vitória", aponta o treinador Luiz Antônio dos Santos. Ambos já estiveram no pódio do Circuito Caixa, na etapa de Recife em agosto, ele em quarto lugar e ela em segundo. Delvine ainda tem entre seus resultados a vitória na Meia Maratona A Tribuna, em Praia Grande, no início de setembro. Passando por quatro das cinco regiões brasileiras, o evento conta com a chancela da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). As 12 provas somam pontos para o ranking brasileiro de corredores de rua. Os dez primeiros colocados, no masculino e no feminino, garantem o patrocínio da Caixa para 2014. A competição, que celebra dez anos em 2013, é uma realização da HT Sports, com patrocínio da Caixa Econômica Federal e copatrocínio da Centauro. Em Curitiba, conta ainda com o apoio da Prefeitura de Curitiba, da Unimed Curitiba, Granola Croqui e Nutry, além da supervisão técnica da CBAt e da Federação de Atletismo do Paraná.

Tags: