Canal
Geral

Qualidade da informação foi a tônica no Fórum Eventos

Por: Redação 11 de Abril de 2016

Dinamismo nas atividades e qualidade impecável nos temas tratados e na organização. Assim pode ser definido o Forum Eventos, realizado no mês de Abril em São Paulo.

O o editor da Revista Eventos e idealizador do Fórum, Sérgio Junqueira Arantes, apresentou os números que fazem o setor de eventos se destacar na economia nacional. Ao todo, são R$ 652,9 bilhões de faturamento, 590 mil eventos anuais, 15,6 milhões de empregos gerados e 6,5 milhões de hospedagem por ano. “Se não valorizarmos o nosso setor, quem o fará? Se não dissermos que somos os segundo PIB do País, quem o fará?”

Estes foram alguns dos questionamentos feitos por Junqueira, que aproveitou a ocasião para mostrar seu descontentamento com a falta de um centro de convenções a altura de São Paulo e Rio de Janeiro. “Temos excelentes pavilhões de eventos, mas ainda falta um centro de convenções para que possamos trabalhar”, afirmou o editor. Para Sérgio Junqueira, o setor precisa se unir, ter um discurso único para que seja respeitado, sobretudo, na atual conjuntura política e econômica do Brasil.

“Nós temos que unir as vozes de todo o setor, de todas as entidades que compõem a cadeia de valores de eventos e turismos para chegarmos aos diversos poderes públicos e mostrar que não devemos ser mera moeda de troca de conjuntura política, nem sempre as mais adequadas. Vocês são a força do setor”, concluiu o idealizador do Fórum, abrindo as atividades do primeiro dia de discussões.

                         Sergio Junqueira

Ele acredita que o mercado de eventos sofre pouco com a situação do país e convidou os participantes a compartilharem o conceito usando a hahstag  #xocriseforumeventos.

“Não acredito em crise no setor de eventos, pois reúne as principais ferramentas que viabilizam que as empresas se mantenham à tona, evitando afundar. Eventos de treinamento, eventos de incentivo, lançamento de produtos, promoção comercial, convenção etc., são essenciais para o futuro das empresas” afirma.

Esta edição do Fórum Eventos teve dois dias de intensa movimentação e debates com especialistas internacionais no segmento M.I.C.E. Veja os principais momento do evento

Fórum Eventos homenageou os 10 anos do Promoview

A visão da imprensa acerca do futuro da indústria de eventos foi tema do painel Mídia: o futuro dos eventos na visão da imprensa .
idealizador do Fórum, Sérgio Junqueira Arantes, fez uma homenagem aos 10 anos do Promoview.  Além da participação do site, que apóia todas as iniciativas da Evento Expo Editora desde 2006, o publisher, Julio Feijó Neto, participou do painel ao lado dos publishers Rui Ochôa, diretor da revista Event Point; Sergio Scalone, da revista Eventos Latinos; Tyler Davidson, da Meetings Focus Magazine dos Estados Unidos.

 

O diretor da Event Point contou como a crise afetou o setor de eventos em Portugal e como foi necessário fazer adequações não somente para atender a redução de budgets, mas também as regras de compliance. Já Sérgio Scalone falou sobre a importância da interação em um evento corporativo e como é possível conciliar a participação presencial e virtual.
As tecnologias, como elas estão transformando reuniões e eventos e os aplicativos mais utilizados e inovadores, foram o eixo central da apresentação de Tyler Davidson.

Já o Publisher do Promoview comentou sobre o papel da infraestrutura na elaboração dos eventos. “É importante colocar que a infraestrutura é praticamente commodity nos dia de hoje, portanto, terão melhores resultados aqueles fornecedores que conseguirem se diferenciar, inovar. O valor desta grande indústria está na soma dos detalhes e do expertise de cada um”, esclareceu.

Julio Feijó Neto, Tyler Davidson, Sergio Scalone, Rui Ochôa e Sérgio Junqueira

Debate tratou da Tecnologia em prol dos eventos

Segundo o relatório White Paper Future Trends 2015, produzido pela IAEE, as tendências para o futuro mostram uma Indústria de eventos enfrentando significativas mudanças em todos os aspectos de sua produção - internet das coisas, RFID (ou similar), projeções holográficas, sistemas de controle de acesso integrando visitantes a expositores através de APPs, mapping, palestras via holograma, 3D, tecnologias em carboard, aplicativos distribuídos, multiplataforma e web streaming e conexão de todas as plataformas, gerando uma grande experiência interativa com informações atuais.

Neste cenário, a tecnologia é uma grande aliada dos profissionais do setor como uma importante estratégia para ajudá-los a realizar eventos inovadores com propostas cada vez mais criativas.  Por isso, foi um dos temas do Fórum Eventos que apresentou palestras técnicas proferidas por profissionais altamente qualificados - nacionais e internacionais -, gerando conhecimento para os participantes na organização, planejamento e promoção e soluções criativa, inovadoras e para o sucesso seus eventos.

Destaque para três profissionais internacionalmente reconhecidos:

Scott Craighead, CEM – Vice-presidente de Feiras e Eventos, da International Association of Exhibitions and Events. Envolvido na indústria de eventos há 13 anos, na produção de exposições e eventos nos EUA e globalmente. Atualmente, responsável pelo Annual Meeting & Exhibition Expo! Expo! e outros eventos produzidos pela IAEE.

Anteriormente, atuou na logística e vendas de feiras para os eventos da Global Semiconductor Alliance, realizados nos EUA, Europa e Ásia. Scott começou sua carreira como gestor, realizando eventos na universidade e eventos para a Associated Students, UCLA.

Prof. Ma. Flavia Gamonar Especialista em marketing de conteúdo e tendências digitais (USC - UNESP). Professora com mestrado, licenciada em Letras Português/Espanhol pela USC e Mestre em Mídia e Tecnologia pela Unesp de Bauru/SP. Escritora, pesquisadora e colunista de revistas e portais e fundadora do Flavia Gamonar.com que realiza aulas, cursos e consultoria em marketing, inovação e empreendedorismo.

Além delas o Fórum Eventos 2016 contou com  palestrantes de diversos segmentos da indústria de eventos brasileira e do Exterior. O evento teve aliança institucional com a CNC, Sesc e Senac, o apoio educacional do Senac São Paulo, o patrocínio master do Centro de Convenções Rebouças, patrocínio platina da Hotma Arquitetura de Eventos e da Projesom, patrocínio gold do Centro de Convenciones de Punta del Este, Bueno Br. Cenografia e a UCAN Digital Transmition e o apoio da Agência Um. O Fórum Eventos mantém uma aliança estratégica com o Fór/Eventos, a Ampro e o Certified Exhibitions Management (CEM). Seu Programa Hosted Buyer é apoiado pelo CEO Council Brasil.

 

Tags: Viagens e Destinos - M.I.C.E | Profissional de Mídia | Sudeste (Brasil) | Viagem de Incentivo | Espaço Físico | Institucional