Canal
Geral

Plah com Globo da Morte para IRA Motoparts

Por: 0 28 de Maio de 2010

A participação da IRA Motoparts no Salão da Motocicleta 2010 não poderia se resumir a simples ocupação de espaço: deveria ser uma experiência intensa e duradoura, daquelas que contamos para os amigos, compartilhamos. Com esse propósito foi desenvolvida pela Plah Marketing Promocional, uma ação concebida para virar o Salão da Motocicleta de cabeça para baixo com uma simples ideia: a democratização do Globo da Morte. A IRA Motoparts é uma empresa de peças para motos de baixa cilindrada. Seu crescimento é constante e seu posicionamento sempre está atrelado à inovação e à agressividade na comunicação. Visando combater players maiores em seu mercado possuindo apenas uma fração da verba destes, a IRA Motoparts programou estrategicamente participar de alguns dos mais importantes eventos do segmento no Brasil. Destes, o ponto alto do calendário foi o Salão da Motocicleta 2010, realizado no Centro de Exposições do Anhembi, em São Paulo. A Plah Marketing Promocional sabia que os maiores embaixadores são o próprio público. Assim, a estratégia de participação no Salão da Motocicleta 2010 foi definida a partir da percepção de que a IRA, para ser relevante em um ambiente cercado de concorrentes de maior porte, deveria inovar estabelecendo um contato direto e de muito impacto, com expectativas e elementos que se relacionassem com o público motociclista. Assim nasceu o Giro Irado IRA, um aparelho com sete metros de altura que possibilitava a realização de loopings a bordo de uma moto de 125cc de verdade e em completa segurança. O projeto necessitou de mais de quatro meses de desenvolvimento por engenheiros e empresas parceiras para possibilitar que qualquer pessoa com CNH AB pudesse subir em uma moto de verdade a qual, presa sobre trilhos, completasse o looping ao chegar na velocidade correta. Cada participante era equipado com capacete IRA e preso à moto por uma cadeirinha de segurança a qual, firmemente fixa, garantia total segurança durante a brincadeira. Com controle absoluto sobre o veículo, cada participante acelerava e freava no limite de sua coragem, e ao atingir a velocidade certa, vencia as barreiras da física, realizando um ou mais loopings, como em um Globo da Morte de verdade. O sucesso do Giro Irado superou as expectativas dos idealizadores. Foram mais de 850 corajosos a girar e mais de seis mil pessoas impactadas diretamente ao assistir, comentar, filmar e compartilhar a experiência intensa que testemunharam. A IRA ganhou o prêmio de Destaque no Salão da Motocicleta 2010 graças à iniciativa e ainda teve um bônus inesperado: a experiência foi tão única e intensa que os participantes filmaram e compartilharam vídeos do Giro Irado no site YouTube, alavancando a exposição da ação para mais de cinco mil views na web, a partir de vídeos captados e editados espontaneamente pelo público.

Tags: