Canal
Geral

Petrobras e Mitsubishi Motors selam parceria

Por: 0 12 de Setembro de 2014

Entre os objetivos do novo programa, que premiará os melhores colocados na final da Seletiva de Kart Petrobras 2014 - um dos principais eventos do kartismo nacional - está proporcionar aos jovens pilotos experiências únicas, além de apresentar dificuldades e necessidades relacionadas à carreira de um piloto profissional, mostrando quais são as melhores opções para quem faz a transição do kart para o automóvel. Tudo isso para ajudá-los a encontrar os melhores caminhos a seguir em suas carreiras. E nada melhor do que alguns exemplos de sucesso para motivar, inspirar e quebrar paradigmas.

Fotos: Fábio Oliveira.
petrobras_mitsubishi_kartFoi pensando nisso que os organizadores da Seletiva de Kart Petrobras fecharam uma parceria com a Mitsubishi Motors do Brasil, que proporcionará aos quatro melhores colocados na final de 2014 a chance de passarem um dia ao lado de um dos maiores pilotos do automobilismo nacional, o ex piloto de Fórmula 1 e doze vezes campeão da Stock Car, o paulista Ingo Hoffmann. Também em parceria com a montadora, os pilotos terão uma palestra de marketing esportivo com o publicitário Fernando Julianelli, diretor de marketing da Mitsubishi, que passará aos kartistas a importância do relacionamento com o patrocinador. Com 15 anos de existência, a Seletiva de Kart Petrobras é o principal torneio de incentivo à base do automobilismo nacional e que distribui a maior premiação. Criada em 1999, com o patrocínio da Petrobras e Petrobras Distribuidora, a competição já reuniu mais de 150 pilotos em suas finais num verdadeiro vestibular das pistas, envolvendo os maiores pilotos do kartismo no País. A final de 2014 acontece em outubro e seis pilotos já conseguiram suas vagas. Mais seis vagas ainda estão em jogo e a próxima etapa classificatória acontece no dia 20 de setembro, em São Luís, no Maranhão. Além de uma bate-papo especial, onde Hoffmann contará sobre sua carreira, conquistas e dificuldades, os kartistas participarão do Mitsubishi Racing Experience, tendo o multicampeão como instrutor a bordo dos velozes Lancer R, no circuito Velo Città, um dos mais modernos do País, em Mogi Guaçu (SP), dando aos pilotos novos conhecimentos de direção esportiva por se tratar de carros do tipo "turismo", aumentando a capacidade individual de enfrentar novas situações na carreira. Ao final do curso, os pilotos estarão aptos a requerer a carteira de piloto profissional de pista, categoria PGCB, junto à CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo). O encontro com Ingo e o treino no Velo Città acontecem no dia 12 de novembro. petrobras_mitsubishi_kart 1"Farei uma palestra para eles, contando sobre a minha trajetória e alguns casos que ajudaram em minha carreira. Depois teremos a aula de pilotagem na pista com o Lancer R.", explicou Hoffmann. Para o experiente piloto, um programa como este pode ajudar jovens pilotos na tomada de decisões, mas para isso precisam "escutar e aprender, sem muitas interferências externas". Hoffmann também opina que falta um automobilismo de base melhor no Brasil. "Quando eu iniciei minha carreira, em 1972, existia um automobilismo muito mais atuante, com diversas categorias distintas, absurdamente mais acessível financeiramente, possibilitando a entrada e o desenvolvimento de novos pilotos.", lembrou o ex piloto, que é coordenador do Mitsubishi Drive Club, onde ministra cursos para quem quer pilotar por hobby ou prazer ou para disputar a Lancer Cup, posteriormente. Patrocínio Um dia antes do teste com Hoffmann, o publicitário Fernando Julianelli realiza a palestra de marketing esportivo na sede da Mitsubishi Motors em São Paulo. "Espero conseguir mostrar aos pilotos quais são os pontos que eles precisam se preocupar quando estão fora do carro. Qual o comportamento ideal, pois quando você tem um patrocinador, você passa a representá-lo, vira um embaixador daquela marca. Também quero dar dicas do que eles podem oferecer na hora de buscar um investimento de um patrocinador, entre outras coisas.", explicou Julianelli. O novo programa de orientação da Seletiva de Kart Petrobras ainda prevê aos vencedores um teste com simulador de F-1 na Europa, um treino com uma das principais equipes de base do automobilismo europeu (Koiranen GP), acompanhamento físico e psicológico com Nuno Cobra Jr. e media training. O campeão da Seletiva ainda leva o prêmio em dinheiro de 60 mil reais. A premiação total, incluindo todas as ações, está estimada em 250 mil reais, a maior da modalidade no Brasil. "A nova premiação da Seletiva de Kart Petrobras busca, principalmente, apresentar as disciplinas mais importantes para um piloto profissional e, com isso, orientar os pilotos contemplados. Temos certeza que eles terão então mais facilidade para tomar as decisões certas para sair do kart e ingressar no automobilismo.", destaca Binho Carcasci, promotor e organizador do evento.

Tags: