Canal
Geral

Paraná M.I.C.E. coloca seis cidades como prioritárias

Por: 0 31 de Julho de 2013

Durante o Festival de Turismo das Cataratas, foi difundido, o Programa Paraná M.I.C.E. – sigla internacional para Reuniões, Incentivos, Congressos e Feiras (Meeting, Incentive, Congress & Exhibition). O objetivo é consolidar o Estado como um destino forte no segmento turístico de negócios e eventos, no mercado nacional e internacional. [caption id="attachment_313114" align="aligncenter" width="562"] Festival de Turismo das Cataratas do Iguaçu (Foto: By fan page Festival de Turismo das Cataratas do Iguaçu).[/caption] Foram elencadas seis cidades prioritárias para a implantação do projeto, Foz do Iguaçu, Curitiba, Cascavel, Ponta Grossa, Londrina e Maringá. O programa tem como público alvo principalmente os CVBs. O Iguassu Convention & Visitors Buerau – ICVB é parceiro direto do projeto, o que deve trazer benefícios para o Destino Iguaçu e para os mantenedores da Instituição. O Paraná M.I.C.E., é uma iniciativa do Sebrae/PR em parceira com o ICVB, Sindhotéis, Abih entre outros, e teve início no ano passado com a assinatura de um convênio com o Instituto Cerdà, de Barcelona, na Espanha. Atualmente, o programa Turismo de Negócios e Eventos, já envolve 200 empresas do segmento em todo o Estado, e deverá ser desenvolvido até 2016. Nas próximas etapas serão realizados diagnósticos para o setor e a partir de agosto, serão definidos os planos de ações, voltados para capacitações empresariais e propostas para a área, além de treinamentos com as equipes dos CVBs. O programa está acontecer sobre consultoria de Vaniza Schuler, mesma consultora que está em fase final do diagnóstico para o ICVB, o que facilita e reforça a consistência no alinhamento de estratégias. A coordenadora de Eventos do ICVB, Patricia Marafigo, avalia a proposta como positiva e que o Sebrae sempre foi referência nesse tipo de ação. “O Paraná M.I.C.E., vem em um momento muito propício, a nova fase de nossa entidade. Estamos finalizando um processo de consultoria com a mesma profissional que coordena o programa, e isso, deve ampliar nossa capacitação e foco no mercado de eventos, onde hoje, já somos bem atuantes” afirma.

Tags: