Canal
Geral

O que o Facebook foi fazer em Cannes

Por: 0 21 de Junho de 2012

No Festival de Cannes, o Facebook anunciou aos jornalistas duas novas ações que a empresa colocará em prática em breve. A primeira reunião do Conselho Criativo - que surge junto à formação do Conselho Cliente - tem o objetivo de juntar mentes criativas na procura de ideias, tanto de produtos para o Facebook, quanto de formas de responder às necessidades das agências.

Entre os membros do conselho encontram-se nomes como David Droga, fundador da agência Droga5, o CCO da Leo & BurnettMark Tutssel, entre outros executivos de diversas agências. O segundo anúncio foi o do lançamento do Facebook Studio Edge, um interface que permitirá às agências saberem em primeira mão sobre os mais recente lançamentos de produtos do Facebook, e fazer cursos interativos de 10 a 15 minutos sobre temas como páginas, aplicações e anúncios. Na palestra dada por Paul Adams, cabeça de design do Facebook, intitulada "A Psicologia da Partilha", ele abordou o tema da partilha enquanto fenômeno sociológico e, claro, uma marca pode criar valor intrínseco com essa abordagem. "Desde o princípio dos tempos que nós fazemos uma coisa quando queremos informação. É procurá-la junto dos nossos amigos." Com esta frase, Paul Adams dá o Facebook como o paradigma da nova propaganda ao permitir que as pessoas sugiram e aceitem sugestões de produtos, marcas e serviços vindas de pessoas em quem confiam. Às marcas, "só" é pedido que façam ações que as pessoas queiram partilhar. O Conselho Criativo anunciado nesses dias é a consolidação da relação a longo termo entre marcas e mídias sociais.

Tags: