Canal
Geral

Netza desenvolve ações de marketing social

Por: 0 26 de Agosto de 2013

As empresas e agências estão sendo mais exigidas a assumir uma conduta responsável nas suas relações com os clientes, consumidores, funcionários, fornecedores, comunidade e até concorrentes. Por um lado, elas estão se aliando aos desafios sociais e assumindo o compromisso com causas filantrópicas. Por outro, agências de comunicação fazem a intermediação do apoio a uma causa específica, abrindo caminho para que a ação seja viabilizada e efetivada com sucesso. [caption id="attachment_320034" align="aligncenter" width="398"] Fabiana Schaeffer (Foto: From Netza).[/caption]

“Planejamos, organizamos e executamos essas iniciativas para que as empresas pratiquem a responsabilidade social”, diz Fabiana Schaeffer, sócia-diretora da Netza, agência de comunicação integrada que atua com ações de live marketing.

Segundo a executiva, as empresas não podem mais contar, apenas, com a qualidade de seus produtos e serviços como garantia de sobrevivência. É preciso ir além. “Tal atributo passou a ser uma exigência natural do mundo competitivo”, pondera. Cada vez mais o marketing social influencia o consumidor na escolha do produto, impactando diretamente no fortalecimento da marca. Segundo Fabiana Schaeffer, as agências precisam comprovar que adotam uma postura correta, tanto na relação com funcionários, consumidores, fornecedores e clientes, como no que diz respeito às leis, aos direitos humanos e ao meio ambiente. “Ao implementar uma ação de marketing de causa social, as pequenas e grandes corporações devem atuar diretamente com ações próprias de cidadania ou se unirem a organizações sociais, tendo em vista alguma causa relevante, pensando naquele consumidor, que exerce com mais consciência a sua cidadania”, afirma. Para ela, os benefícios de associar a agência a uma causa social têm seus impactos positivos em imagem e em vendas, pelo fortalecimento e fidelidade à marca; aos clientes, pela valorização da empresa na sociedade e no mercado; em retorno publicitário, advindo da geração de mídia espontânea; em produtividade e pessoas, pelo maior empenho e motivação dos funcionários e os ganhos sociais, pelas mudanças comportamentais da sociedade. “Quando bem utilizado é sempre positivo. O marketing de causa social é uma poderosa ferramenta estratégica de posicionamento, pois, ao utilizar algumas técnicas do marketing tradicional, consegue associar a marca de uma empresa a uma questão”. Segundo Fabiana, “O resultado desta parceria é que todos os atores se beneficiam, tanto a empresa quanto a agência. As empresas incrementam as vendas e a visibilidade de sua marca, graças, principalmente, à exposição na mídia espontânea. As entidades divulgam suas causas atraindo, consequentemente, mais simpatizantes, voluntários e maior volume de recursos”.

Tags: