Canal
Geral

Música clássica em forma de pílula no Japão

Por: 0 22 de Julho de 2013

Para reconquistar o espaço que a música clássica perdeu para outros estilos no país, uma campanha, intitulada Japan Pill Harmonic, criada pela I&S BBDO Tóquio para a Orquestra Filarmônica do Japão, mostra como a música clássica pode ajudar a ter uma vida mais saudável. A ação consistiu em prescrever composições famosas como parte de tratamento alternativo para insônia, constipação, falta de apetite, estresse, entre outros males que atualmente afligem grande parte da população global. Os efeitos terapêuticos da música clássica são prescritos pelos próprios músicos da filarmônica. Os “remédios” foram colocados em cartões de memória. Cada um deles contém uma composição que é indicada como tratamento para um determinado tipo de “problema de saúde”. Veja algumas das prescrições: Para uma pele bonita: As Quatro Estações – Primavera, de Vivaldi; Para um sono tranquilo: Sinfonia N. 10, de Mahler; Para melhorar o apetite: O Barbeiro de Sevilha, de Rossini; Para tratamento de constipação: Brahms – Sinfonia N. 1 – Primeiro Movimento; Para ajudar na dieta: Dança do Sabre, de Aram Khachaturian; Para se apaixonar: Belle of the Ball, de Leroy Anderson. A campanha surtiu efeito com 20 “tratamentos” diferentes, despertando o interesse das pessoas pela música clássica. E ainda faturou um Leão de Ouro em Cannes. Veja: Fonte: Mundo Nipo.

Tags: