Canal
Geral

Mulheres "traficadas" chamam a atenção em Atlanta

Por: 0 24 de Abril de 2013

A escravização e o tráfico humano é um problema muito frequente em nossos dias. De acordo com a International Labour Organization é provável que atualmente cerca de 2.5 milhões de pessoas sofram ou sofreram de exploração no trabalho ou sexual. Para chamar a atenção para esse problema, o movimento antiescravidão EndIt montou uma encenação móvel que representava os maus tratos que as mulheres sofrem quando são transportadas em caminhões de carga para serem vendidas como escravas sexuais. A ação de marketing promocional, criada pela agência SapientNitro, usou um caminhão com a boleia transparente que permitiram com que as pessoas vissem o interior do veículo e vissem um grupo de “escravas” vigiadas por um “guarda”. O veículo percorreu as ruas de Atlanta do dia do NCAA Final Four, a final da Divisão I de basquetebol. O caminhão tinha a legenda “The Civil War Didn’t End Slavery. Every Year Women Are Trafficked To Major Sporting Events To Be Sold As Sex Slaves” (A Guerra Civil Não Acabou Com A Escravidão. A Cada Ano as Mulheres São Traficadas Para Serem Vendidas Como Escravas Sexuais).

Tags: