Canal
Geral

MMA Latam dá dicas de marketing para o mundo mobile

Por: 0 29 de Abril de 2013

Fabiano Lobo, ManagingDirector da Mobile Marketing Association (MMA) Latam, a entidade global referência da indústria de marketing móvel, trouxe para o Brazilian Applications Seminar o conceito de oportunidades em marketing para o mundo moblie. Dados da Nielsen apontam, considerando pessoas com mais de 16 anos de idade, que 94% dos americanos usam smartphones, e, no Brasil, 36% da população já utilizam a tecnologia. [caption id="attachment_286457" align="aligncenter" width="562"] Edgard Zavarezzi (Recomind.net); José Papo (Amazon); Pedro Sorrentino (Sendgrid); Jacques Chicourel (Vivo Telefônica); e Fábio Magnoni (Mozila Firefox) (Foto: Vitor Schietti).[/caption]

Este número corresponde a 47 milhões de pessoas com acesso a internet via celular. A expectativa é que, até 2016, 94 milhões de pessoas já tenham acesso a aparelhos móveis. O mobile já faz parte do dia a dia das pessoas, que, antes, utilizavam seus celulares, além de sua função usual, apenas como despertadores. Hoje, os aparelhos são utilizados desde ferramenta de entretenimento, networking, até para pagamento de contas, para pedir um táxi e gerar emoções. E, por que não, como um canal de comunicação para organizações? “Simplesmente levar banners e os repelidos 'pop ups' para o meio móvel, com certeza, não é a melhor solução. O papel do marketing neste cenário é utilizar a experiência de engajamento no mobile de forma criativa para se aproveitar o diferencial que o meio oferece,” explica Fabiano Lobo. [caption id="attachment_286458" align="aligncenter" width="562"] Fabiano Lobo (Foto: Vitor Schietti).[/caption]

Os mobiles também impactam diretamente na relação comercial. Os celulares passaram a ser uma nova ferramenta para decisões de compras diferenciadas.  Fabiano Lobo expôs dados da Nielsen em que, no Brasil, cerca de 25% das pessoas utilizam celulares para fazer compras virtualmente. “Em 2002 não sabíamos que laptops seriam tão acessíveis, e, pouco mais de 10 anos depois, os smartphones e tablets já são uma realidade. O que se torna uma oportunidade de mercado para profissionais da área, tendo em vista que 79% das empresas brasileiras não estão no mundo mobile hoje” comenta Lobo. O Brapps aconteceu no dia 27/04, no Opera Hall, em Brasília (DF), e contou com palestrantes como Fraser Kelton, da GetGlue; José Papo, da Amazon; Aniyia Williams, do aplicativo Voxer; Edgard Zavarezzi, da Recomind.net; Pedro Sorrentino, da Sendgrid; Jacques Chicourel, da Vivo Telefônica; Fabio Magnoni, do Mozila Firefox; André Macedo, da ZeroPaper; outros 35 palestrantes e mais de 60 startups brasileiras do Startup Brasil. [caption id="attachment_286459" align="aligncenter" width="562"] Espaço de convivência no Brapps (Foto: Vitor Schietti).[/caption]

Tags: