Canal
Geral

Ministério do Esporte incentiva Seleções Paralímpicas

Por: 0 13 de Junho de 2013

Um convênio firmado entre o Comitê Paralímpico Brasileiro e o Ministério do Esportevai destinar R$ 39,4 milhões ao setor brasileiro. Os recursos serão investidos em treinamento de alto nível e na preparação das seleções que disputarão os Jogos Paralímpicos Rio 2016. Serão contempladas as seleções permanentes de atletismo, basquete em cadeira de rodas, bocha, ciclismo, esgrima em cadeira de rodas, futebol de cinco, futebol de sete, goalball, halterofilismo, judô, natação, remo, rúgbi em cadeira de rodas, tiro esportivo, voleibol sentado e vela. Os recursos auxiliarão nos custos com viagens em competição (transporte, hospedagem e alimentação), fases de treinamento, intercâmbios e contratação de recursos humanos para a formação de uma equipe multidisciplinar, além de aquisição de materiais e equipamentos esportivos. Esse reconhecimento é resultado da conquista das equipes paralímpicas que participaram dos Jogos de Londres, em 2012, e alcançaram o sétimo lugar no ranking de medalhas. Em contrapartida, esses atletas têm um novo desafio para este ciclo olímpico: ficar entre os cinco primeiros colocados nos Jogos de 2016. O investimento no esporte paralímpico nacional tem feito parte do planejamento do governo federal nos últimos anos. Em 2010, o Ministério do Esporte repassou R$ 7,1 milhões por meio de oito convênios. Logo em 2011, firmou outros três acordos, no valor de quase 13 milhões, que viabilizaram clínicas de treinamento e preparação para 16 seleções brasileiras, num total de 18, que disputaram os Jogos de Londres, incluindo o primeiro período de aclimatação pré-Jogos da equipe paralímpica, realizada na cidade de Manchester, na Inglaterra.

Tags: