Canal
Geral

Metropolitan Betim otimiza uso de água e energia

Por: 0 5 de Junho de 2015

O Metropolitan Shopping Betim está sempre atento à importância do uso correto de recursos, como água e energia. Buscando reduzir cada vez mais o consumo de energia, o centro de compras adotou algumas ações que promovem sua autossuficiência energética. Recentemente, o circuito de alimentação dos geradores a diesel foi ampliado, passando a atender também as lojas do mall no horário de ponta do sistema elétrico brasileiro. Neste período do dia acontece uma maior utilização de equipamentos, afetando diretamente a disponibilidade do sistema de geração e distribuição de energia elétrica. Reuso de agua metropolitan betim“Essa ação contribui diretamente para a diminuição na solicitação de carga justamente no período em que o sistema é mais exigido, o que significa uma importante contribuição do shopping para evitar a falta de energia.”, explica Rodrigo Pereira, superintendente do Metropolitan. Além disso, em qualquer caso de falha no fornecimento por parte da concessionária, os geradores estarão capacitados para abastecer e alimentar as lojas e as áreas comuns. “O nosso sistema elétrico está sendo modernizado e passando por melhorias. Além disso, investimos constantemente em tecnologia e buscamos a aquisição de equipamentos eficientes, que tenham um consumo de energia cada vez menor.”, destaca o superintendente. Desde sua construção, o shopping foi pensado dentro de princípios ecologicamente sustentáveis. Todo seu telhado conta com uma rede de drenagem que faz a captação de água da chuva para a reaproveitamento. O armazenamento é feito em sistema próprio, com capacidade total de 600 mil litros de água. A água coletada é tratada e bombeada para utilização em descargas dos banheiros, lavagem dos pisos e das docas, além de irrigação dos jardins e demais áreas de paisagismo. “Principalmente nesses tempos de crise, o Metropolitan faz sua parte preservando os recursos hídricos ao reutilizar a água em áreas com essa possibilidade.”, conclui Rodrigo.

Tags: