Canal
Geral

Mercosul e Aliança do Pacífico juntos pelo turismo

Por: MTur. 2 de Fevereiro de 2016

A Feira Internacional de Turismo (Fitur), em Madri, uma das maiores do mundo, serviu de palco para os ministros do Turismo do Brasil, Henrique Eduardo Alves, da Argentina, Gustavo Santos, do Paraguai, Marcela Bacigalupo, e do Chile, Javiera Montes, traçarem uma estratégia de promoção turística conjunta. Eles firmaram um pacto para estreitarem a relação dos países por meio do setor de viagens.

A secretária de Turismo do Chile, Javiera Montes, propôs a formalização da parceria por meio de um memorando de entendimento amplo e profundo com o Brasil a ser assinado na próxima reunião do Mercosul, em abril, no Uruguai. "Os dois países sairão fortalecidos.", comentou Javiera.

Foto: MTur.
Ministros do Turismo do Brasil, Henrique Eduardo Alves e da Argentina, Gustavo Santos. 

O Chile é o terceiro país emissor de turistas para o Brasil, depois da Argentina e dos Estados Unidos, com 337 mil visitas em 2014. Em 2015, 460 mil brasileiros desembarcaram no país vizinho, segundo autoridades chilenas. O presidente da Embratur, Vinícius Lummertz, frisou que os dois países poderiam fazer promoções integradas.

Ainda no primeiro dia da Fitur, Henrique Eduardo Alves encontrou-se pela primeira vez com o ministro do Turismo da Argentina do governo Maurício Macri, Gustavo Santos. "Temos muito trabalho a fazer juntos. Os nossos países têm ofertas turísticas complementares. São como um só destino.", afirmou o ministro. Amanhã os dois ministros têm uma reunião técnica na Fitur para detalhar a estratégia de reaproximação entre os dois países.

A Argentina é o principal destino emissor de turistas para o Brasil. Dos 6,4 milhões de estrangeiros que visitam o país, 1,74 milhão vêm do país vizinho, o equivalente a 27% do total. Neste verão está havendo um grande fluxo de argentinos para o país, principalmente para Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Tags: