Canal
Geral

Marketing Promocional terá congresso em 2013

Por: 0 30 de Dezembro de 2012

Publicado originalmente em 31/05/12. O marketing promocional ganhou destaque especial durante o V Congresso da Indústria da Comunicação, que teve início no último dia 28/05, no WTC, em São Paulo, não só por ter conquistado um espaço físico privilegiado, com a apresentação de sua tese no Teatro WTC, como também pelo número recorde de participantes entre as comissões do primeiro dia do evento. Com organização da Associação de Marketing Promocional (Ampro), a Comissão 13 discutiu as oportunidades que os próximos grandes eventos esportivos já estão trazendo para o setor promocional e anunciou seu primeiro Congresso brasileiro para maio de 2013. Com a presença de nomes ilustres, como o ex jogador e presidente da 9INE Sports & Entertainment, Ronaldo Nazário; o diretor da Globo Esportes, Marcelo Pinto; a diretora- coordenadora do Banco Espírito Santo, Madalena Torres; a conselheira da Ampro e sócia da Casa Barcelona, Elza Tsumori; e o assessor jurídico da Ampro, Paulo Focaccia, a comissão aprovou por unanimidade a tese que propõe a criação de um “Manual de Compliance” para o setor, que deverá ser apresentado oficialmente durante o Primeiro Congresso Brasileiro de Marketing Promocional. “Somos o País dos eventos e temos que considerar o mercado como um todo, não apenas falar de Copa e Olimípadas. O marketing promocional é o pedaço da indústria da comunicação que mais cresce no Brasil. Somos competentes, criativos, temos ousadia, mas ainda estamos em busca da excelência”, comentou o presidente da Comissão e presidente da Holding Clube, José Victor Oliva. [caption id="attachment_200514" align="aligncenter" width="560"] Jose Victor Oliva.[/caption] A tese propôs a criação de regras e sugestões sobre diversos temas de interesse do mercado promocional que contemplam pontos como sustentabilidade, fomento ao social, educação, tributação, relações trabalhistas, entre outros. “São recomendações que passaram a valer como regra determinante.”, disse Oliva. “A realização de um congresso focado no marketing promocional é um sonho antigo de muitos empresários do setor, porém a oportunidade de realizá-lo surgiu somente agora, quando é perceptível o crescimento do segmento promocional, maior até que qualquer outra atividade de comunicação. O V Congresso da Indústria da Comunicação nos mostrou claramente esta tendência, pois o painel de maior procura foi o do nosso setor”, revela o presidente da Ampro, Kito Mansano . [caption id="attachment_200522" align="aligncenter" width="560"] Kito Mansano.[/caption] Kito acredita que, antes de falar sobre o congresso, é importante ter definidos os grupos de trabalhos e quais empresas se enquadram dentro da atividade de Promo. “Entendo como empresa de marketing promocional toda aquela que atua nas disciplinas: Promoção Comercial (sorteios, vale brindes, concursos, selo liquidated e afins); Eventos (convenções, seminários, feiras, lançamento de produtos e outros); Campanhas de Incentivos (catálogo de prêmio, viagens, premiações variadas para público segmentado); Ativações Trade marketing (Controle de PDV, recursos humanos, treinamento e afins)", declara o presidente da Ampro. "Mas, dentro deste universo, temos também inúmeras empresas especializadas que prestam serviços focados na atividade marketing promocional. Este é apenas um exemplo do espectro que o marketing promo envolve e isso fica imensamente forte quando abrimos para todas as disciplinas citadas”, completa Kito. O objetivo do 1º Congresso Nacional do Marketing Promocional será reunir o maior número de empresas e profissionais deste setor, com o propósito de fomentar o negócio e buscar soluções objetivas e eficazes para problemas que há muito têm acontecido no meio e que, segundo Kito Mansano, já deveriam estar resolvidos. Um deles é a questão da bitributação. “O governo e as empresas contratantes destes serviços serão envolvidas e sensibilizadas a colocar em prática o conceito de governança corporativa, onde você também se torna responsável pela saúde do parceiro. Para isso sairemos do Congresso com projetos de lei e o engajamento de políticos preocupados com a saúde de um segmento que gera mais de dois milhões de empregos. O movimento já começou com a 'carta de concorrências' encaminhada para as principais empresas contratantes dos serviços de marketing promocional. Muito temos para fazer e o Congresso é mais uma oportunidade de nos mostrarmos fortes”, incentiva o presidente da Ampro.

Tags: