Canal
Geral

Maratona de São Paulo compensa emissão de carbono

Por: 0 21 de Junho de 2011

Com 20 mil participantes, a Maratona de São Paulo, que foi realizada no último domingo (19/06), na capital paulista, é um dos maiores eventos do Brasil. Para compensar toda a emissão de carbono provocada, a organização fechou parceria com a Green CO2, que plantará árvores na região do Acre da Floresta Amazônica. "Este á mais um importante passo que demos na Maratona de São Paulo. Conseguimos unir esporte e qualidade de vida, sem prejudicar a natureza", revelou Thadeus Kassabian, diretor da Yescom, organizadora da maior e melhor corrida do gênero no Brasil.

[caption id="attachment_123190" align="aligncenter" width="580" caption="Com 20 mil participantes, Maratona de SP forma fila interminável de corredores (Foto: Sérgio Shibuya/ZDL)."][/caption]

O estudo para a compensação é feito a partir da contabilização, em toneladas, de tudo que existe na prova. A estrutura operacional conta com postos de hidratação, postos de isotônicos, adicionais de suplemento de carboidrato em gel, lanches e barras de cereal, apoio médico, banheiros químicos, policiais militares, policiais do trânsito, guarda metropolitana e agentes da CET, transporte gratuito da chegada, no Ibirapuera, para a largada, no Brooklin. A Green CO2 se baseia no GHG Protocol, que é a ferramenta de medição e gerenciamento das emissões de gases do efeito estufa mais utilizada mundialmente, desenvolvida pelo World Business Council on Sustainable Development (WBCSD) e o World Resources Intitute (WRI).

Tags: